Percussão à flor da(s) pele(s) em V.N. de Famalicão e Guimarães
· POR Fernando Gonçalves · 22 Set 2020 · 23:45 ·
© Clara Araújo
Entre os dias 1 e 4 de Outubro, a percussão vai andar à flor da pele nos concelhos de Vila Nova de Famalicão e Guimarães com o 5º Peles International Drum Fest 2020. Focado em projetos que cruzam linguagens musicais percutivas, a quinta edição deste festival vai acolher alguns dos mais conceituados percussionistas nacionais como os Atlantic Percussion Group, os RePercussion Trio, os Pulsat Percussion Group e o “Ronda dos Mafarricos”, projeto que junta 16 músicos em cima do palco e que dará, neste evento um megaconcerto de oito horas no CLV – Centro e Laboratório de Vermil no dia 2 de Outubro.

Todos os concertos serão transmitidos em streaming e sem presença de público, nas páginas de Facebook do Peles – International Drum Fest e do Comunidade Cultura e Arte.


Programa completo:

1 de Outubro
Atlantic Percussion Group: CLAV – Centro e Laboratório de Vermil, 21h30

2 de Outubro
Ronda dos Mafarricos: CLAV – Centro e Laboratório de Vermil, 14h00

3 de Outubro
RePercussion Trio: Espaço Fauna – Vila Nova de Famalicão, 21h30

4 de Outubro
Pulsat Percussion Group: Espaço Fauna – Vila Nova de Famalicão, 21h30
Chico da Tina faz dupla de ataque com Ronaldo
· POR Fernando Gonçalves · 22 Set 2020 · 00:28 ·


Depois de uma estadia no “Resort”, Chico da Tina limpou o pé às chuteiras e vai fazer dupla de ataque em E agora como é que é, pergunta sem ponto de interrogação que marca o regresso do músico minhoto aos discos, com “Ronaldo”. Bom, exageramos, este segundo single extraído ao novel álbum foi a metáfora escolhida por Chico para narrar a sua ascensão meteórica no panorama musical português e soa assim:

Too Many Suns: uma (nova) viagem sónica por Lisboa
· POR Fernando Gonçalves · 22 Set 2020 · 00:27 ·


Estrearam-se em 2019 com o EP Garden e preparam-se agora para fazerem a sua debute nos longa-duração já em Outubro com Meaning of Light, disco que percorrerá vários mundos sónicos. No tempo que medeia os dois acontecimentos, os lisboetas Too Many Suns foram dar um passeio pelas ruas da capital e lá encontraram que contar, no caso “Trip to the South of Nothing” que serve de aperitivo ao que virá no próximo mês.

Eis “Trip to the South of Nothing, novo single dos Too Many Suns:

Zola Mennenӧh: para (ser) sempre começa agora
· POR Fernando Gonçalves · 01 Set 2020 · 00:15 ·


Para sempre pode ser muito tempo, mas nada que faça a germânica Zola Mennenӧh virar a cara à luta e tentar verter em disco, o de estreia, a árdua tarefa de se encontrar unificada em razão e emoção.

O tema que abre a caixa das delicadezas e tesouros de Zola dá pelo nome de “I always be yours forever” e é o primeiro assomo de Longing Belonging, álbum que tem edição marcada para dia 13 de Novembro via figureight Records.

Acompanhada por Nicole Hogstrand (viola da gamba), Johanna Borchert (piano) e Szymon Pimpon Gąsiorek (drumkit /percussão), Zola incorpora em Longing Belonging elementos de uma carreira feita no jazz, na improvisação e na música coral experimental/avant garde que somados à sofisticação das composições, resulta num ambiente amigo da introspecção de uma forma luminosa como que se pode degustar em “I always be yours forever”:

ZigurFest 2020: a música volta a tomar Lamego em Setembro
· POR Fernando Gonçalves · 27 Ago 2020 · 23:35 ·


Se, num primeiro momento, o ZigurFest 2020 arrancou com a estreia das “Oficinas Familiares” e as exposições da ZONA – Residências Artísticas de Lamego, a 19 de Setembro será a vez da música voltar a tomar a cidade.

David Bruno com o seu novo Raiashopping no Teatro Ribeiro Conceição e os regressados (e renovados) 10 000 Russos no Museu de Lamego, serão os anfitriões de um dia que ainda contará com a inauguração das instalações “Som e Espaço”. Nos próximos dias a organização irá revelar novos nomes e datas de um festival que, excepcionalmente este ano, se prolongará até Dezembro.

A entrada é gratuita e o cumprimento das regras da DGS compulsório.

redo: a vida segundo h0b0
· POR Fernando Gonçalves · 21 Ago 2020 · 14:56 ·


17 loops, 17 canções, um homem e o seu diário de bordo feito música. Roland Babo (vocalista nos Bearbug) é o homem e redo o seu diário. Denso, surreal, delicado e anárquico, redo, primeira criação de Babo enquanto h0b0, é constituído por 17 loops de cerca de um minuto de duração onde voz, guitarra e computador se aliam para pintar o quadro de uma vida, a de h0b0.

EP de estreia de h0b0, redo contou com a colaboração de Filipe Louro (Arda Recorders) na masterização e vem com a chancela Chilli Pepper Fields.

Eis a vida segundo h0b0:

Vodafone Paredes de Coura 2021 recebe sete confirmações
· POR Fernando Gonçalves · 20 Ago 2020 · 23:05 ·


Por esta altura, e se 2020 não estivesse em ácidos, estaria o anfiteatro natural de Paredes de Coura a ouvir algumas das bandas que tinham sido confirmadas para o festival deste ano. Como tal não é possível, resta-nos esperar por 2021, ano para o qual a organização acaba de confirmar a presença de L’Impératrice, Mac DeMarco, Mão Morta, Nu Guinea, The Comet Is Coming, Yellow Days e Yves Tumor & Its Band que se juntam, assim, aos já anunciados Alex G, BadBadNotGood, Beabadoobee, Floanting Points (Live), HAAi, IDLES, Jarvis Cocker presents JARV IS…, Mall Grab, Pixies, Princess Nokia, Slowthai, Squid e Woods.

O Vodafone Paredes de Coura 2021 realiza-se entre os dias 18 e 21 de Agosto no local do costume. Todos os bilhetes adquiridos para o Vodafone Paredes de Coura 2020 são válidos para a edição de 2021, mas para isso é obrigatório efectuar a troca do bilhete. Para quem ainda não possui bilhete, os passes gerais para o evento do próximo ano já estão à venda por 110 euros.

Bardino: uma Centelha de novo disco
· POR Fernando Gonçalves · 20 Ago 2020 · 22:48 ·


Desta feita em trio, os portuenses Bardino desligaram-se um pouco da sua faceta rock para fazerem nascer um novo disco onde projectam uma narrativa sónica e textural mais consistente e conceptual, com aproximações à electrónica que dá pelo nome de Centelha.

A apenas cinco dias da sua edição (25 de Agosto via Saliva Diva), desta Centelha de nove partes desprende-se o singe que lhe dá o nome e que, com tempo e suavidade, soa assim:

Ha Kwai & TRKZ: volta ao mundo da lusofonia num single
· POR Fernando Gonçalves · 10 Ago 2020 · 22:44 ·


Ha Kwai nasceu em Lisboa, tem raízes cabo-verdianas, viveu em Macau, fundou grupos no Brasil e, agora, acaba de juntar-se ao artista moçambicano TRKZ para dar ao mundo um single com nome de activista angolano, “Luaty”, que celebra a sua entrada na família editorial moçambicana Kongoloti Records.

Este tema dá nome ao novo EP de Ha Kwai que sairá no final de Agosto e soa assim:

Grutera é assim: novo single e álbum a 11 de Setembro
· POR Fernando Gonçalves · 06 Ago 2020 · 00:09 ·


Depois de nos ter dado a conhecer “Fica Entre Nós”, Grutera voltou à carga com “Para Mim És Assim”, segundo single retirado a Aconteceu que irá, efectivamente, acontecer no dia 11 de Setembro.

Este novo álbum, o quarto de originais, de Guilherme Efe aka Grutera devia ter saído em Maio último, mas a pandemia teve outa ideia levando-o a desaguar no final do Verão, altura em que o apresentará ao público em concerto em Pombal (dia 5), Guimarães (dia 11 na Clav Live Session) e em Setubal (dia 25 na Casa da Cultura).
Sem mais delongas, “Para Mim És Assim”:

Raiashopping: uma fotografia de um Portugal a contraluz pelo último romântico de Mafamude
· POR Fernando Gonçalves · 02 Ago 2020 · 00:42 ·


Há um Portugal alcatifado a minis geladas, cascas de tremoços e bailes de Verão em cada esquina. Há festas da espuma, há quem se espume por uma “renúncia” um café central e uma one night stand em Salamanca que acaba doucement em mandarim. Este é o Portugal da raia e que dá (uma) raia longe dos drinks de fim de tarde e das soirées subnutridas de empata-fodas de ocasião, um país verdadeiro a quem o último romântico de Mafamude, David Bruno, tira a lona em Raiashopping no início deste nosso querido mês de Agosto.

Sucessor de grandes êxitos de feira como O Último Tango em Mafamude (2018) e Miramar Confidencial (2019), Raiashopping dá ao kicks da sua Casal Boss 2 para uma visita guiada aos pequenos nadas que são, no seu todo, o substrato de um país que bebe o vinho e se esforça por não cantar o fado. Não se preocupem que, em princípio, o problema são velas.

Eis, em todo o seu esplendor e glória, Raiashopping:

Róisín Murphy ex-machina
· POR Fernando Gonçalves · 31 Jul 2020 · 15:53 ·


Róisín Murphy acaba de anunciar o lançamento de um novo álbum para o dia 25 de Setembro. O disco irá ostentar o nome de Róisín Machine e carregará consigo os já conhecidos singles “Simulation” e “Murphy’s Law”, bem como o novo “Something More” que acompanha o anúncio do lançamento do novo trabalho da voz dos Moloko.

Róisín Machine é fruto de uma parceria entre Róisín Murphy e o seu colaborador de longa data DJ Parrot e leva este nome porque, como explica a autora, mesmo nos tempos conturbados em que vivemos, “eu sou uma máquina, não paro”.

Para já, “Something More”:

Karma é uma festa que não o é
· POR Fernando Gonçalves · 30 Jul 2020 · 14:31 ·


Ontologias à parte, Karma Is Not A Fest é uma festa que invadirá, ou não, a mata do Fontelo em Viseu em quatro datas distintas. A 27 de Agosto, 3, 10 e 17 de Setembro, o parque viseense irá colher criações artísticas, caminhadas, conversas e concertos de nomes como Arianna Casellas, Filipe Sambado, HHY & The Macumbas, Tiger Picnic, Tó Trips e Dada Garbeck numa organização da cooperativa Carmo’81.

Os concertos da tarde são gratuitos, mediante reserva, enquanto os concertos nocturnos têm o custo de 6,5 euros, também mediante reserva.


Programação musical do Karma Is Not A Fest

Dia 27 de Agosto

18h30 – Arianna Casellas
21h30 – Samuel Martins Coelho
22h – HHY & The Macumbas

Dia 3 de Setembro

18h30 – Tiger Picnic
21h30 – José Pedro Pinto
21h30 – Cine-concerto com o filme “Surdina” de Rodrigo Areias a ser musicado por Tó Trips

Dia 10 de Setembro

18h30 – Unsafe Space Garden
21h30 – Stereoboy
22h – Dada Garbeck

Dia 17 de Setembro

18h30 – Contos e Lenga Lendas
21h30 – AURORA BRAVA –redux-
22h – Filipe Sambado
Passado, Presente e Futuro moram na linha Fronteiriça traçada por Roseane Santos
· POR Fernando Gonçalves · 29 Jul 2020 · 14:48 ·
© Luciano Faccini
 
Cruzar as regiões da sua existência por caminhos que deambulam livres pela música tradicional e pela canção contemporânea passaram de desejo a facto consumado no novo Fronteiriça, álbum de estreia a solo da brasileira Roseane Santos que se passeia pelo Passado ancestral, memória amorosa e por um Presente/Futuro onde respirar de um novo modo se torna exigência vital.

Este romper delicado das linhas invisíveis de tempo e lugar é composto por 10 faixas e conta com a participação de nomes da música, teatro, literatura e dança como Leonarda Glück, Ary Giordani, Bia Figueiredo, André Garcia (violão, guitarra e arranjos-base), Gabriela Bruel (percussão), Daniel D’Alessandro (bateria), Luciano Faccini (clarinete) e Victoria Vilandez (contrabaixo).

Para se encontrar se perdendo, eis Fronteiriça:

Heat é Calor em português
· POR Fernando Gonçalves · 28 Jul 2020 · 14:39 ·


Os Glockenwise pegaram no seu single “Heat” (2015), juntaram-lhe a madre língua portuguesa e umas pitadas de Rui Reininho, mexeram bem e o resultado é “Calor”, muito calor em português que antecipa o lançamento da edição em vinil de Plástico lá para o fim do ano.

Eis “Calor”:

ARQUIVO

Parceiros