DISCOS
Tennis
Young And Old
· 09 Abr 2012 · 19:23 ·
Tennis
Young And Old
2012
Fat Possum Records


Sítios oficiais:
- Fat Possum Records
Tennis
Young And Old
2012
Fat Possum Records


Sítios oficiais:
- Fat Possum Records
15-Love.
Ainda há quem ouça Tennis em 2012, ou já sucumbiram às garras afiadas do fim do hype? Independentemente da resposta, Young And Old continua a dar-nos motivos para apreciar com moderação o casalinho indie e o seu pop-rock de inspiração surf. Cape Dory pode ter uma história mais bonita por detrás da sua criação - uma viagem de veleiro que durou sete meses - mas esta segunda aventura musical tem, sem dúvida, melhores canções.

Young And Old não se afigura como uma mudança demasiado radical no som dos Tennis; continuam a acenar aos anos 60 e a dedicar-se a esse estado mental que é a praia, mas já não soam tão roufenhos quanto soavam anteriormente. A ênfase continua a ser nas melodias docinhas e na voz-igual-a-todas-as-outras-bandas-indie-da-moda de Alaina Moore, mas com um outro nível - notório - na produção, sendo de observar que tem o dedo de Patrick Carney, homem que sabe uma ou outra coisa no que toca a compôr maravilhas pop (é dos "seus" Black Keys a melhor canção que não acabou em nenhum top de 2011).

Assim sendo: é pop plástica com outro nome? É. Sabe-nos bem ouvi-la? Claro. Vamos esquecê-la mais cedo do que aquilo que fazemos crer? Absolutamente. Mas, pedindo desculpas pela linguagem, que se foda: canções como "Origins", "High Road" e "Robin" soam sempre bem, venham de onde vierem, originalíssimas ou não. E Young And Old soará sempre bem, este ano, no próximo, até o hype morrer ou os wayfarers deixarem de estar na moda. O que provavelmente significa nunca.
Paulo Cecílio
pauloandrececilio@gmail.com
RELACIONADO / Tennis
Discos
Furlines
2002
ÚLTIMOS DISCOS
Postcards
The Good Soldier
· POR Paulo Cecílio ·
Globalização.
ÚLTIMAS

Parceiros