DISCOS
Tropa Macaca
Sensação do Princípio
· 22 Dez 2009 · 18:13 ·
Tropa Macaca
Sensação do Princípio
2009
Siltbreeze / Flur


Sítios oficiais:
- Tropa Macaca
- Siltbreeze
- Flur
Tropa Macaca
Sensação do Princípio
2009
Siltbreeze / Flur


Sítios oficiais:
- Tropa Macaca
- Siltbreeze
- Flur
Agora que pensava ter saído, a Tropa Macaca volta a puxar por mim...
Michael Corleone nunca escutou Tropa Macaca, mas é a ele que pertence o desabafo perfeito para reagir a um novo disco da dupla de Santo Tirso. ”Agora que pensava ter saído, eles voltam a puxar por mim...” é a tal frase dita por Michael Corleone, quando O Padrinho: Parte III sofre um volte-face, e o herdeiro volta a ter de confrontar os inimigos no mundo da Máfia. De facto, não era fácil lidar com a ofensiva de Joey Zasa e com um ataque de diabetes, tal como nunca é gratuito escutar os Tropa Macaca na mais hostil transfiguração que assumiram até hoje em disco.

Esse nascimento em negro (tosca tradução para um termo associado aos Black Sabbath) ocorre em Sensação do Princípio (o terceiro disco e o primeiro em vinil negro). Pela mão de “Canos Serrados” e “Semba de Fevereiro”, os dois temas nele incluídos, voltamos a ser arrastados às imediações do crime, já conspirado em Marfim e Fiteiras Suadas. Sem darmos por ela, a Tropa volta a ter-nos onde quer: enterrados até ao pescoço num terreno turbulento e ameaçadoramente indecifrável.

Uma vez mais, Símio Superior (André Abel, também dos Aquaparque) e Ju-Undo (Joana da Conceição) corrompem a estabilidade de dois princípios de transe, concedendo aos sons bárbaros a vitória sobre os civilizados. Através da conjugação (e saturação) violenta de instrumentos geralmente incógnitos, os Tropa Macaca infligem uma tensão semelhante à sentida por alguém retido na prisão de um país estrangeiro, situado a oriente de quase tudo.

Sensação do Princípio é, em grande parte, um país estranho concebido por quem compreende a necessidade de derrubar a formalidade para, a partir daí, a reconstruir. Podemos até supor que André e Joana (com uma relação que ultrapassa a música) recorrem a essa liberdade como terapia expansiva. Nesse sentido, cada um dos discos dos Tropa Macaca consolida o trajecto único de um casal que atreve a documentar-se num complexo e fértil role playing (ou será só por acaso que André aparece vestido de mulher na contracapa do vinil?). Sensação do Princípio tem a força de um vídeo caseiro codificado mas sobejamente sugestivo (um pouco como o vídeo de “Fazer Chuva”). Por tudo isto, os Tropa Macaca continuam a proporcionar algum do melhor voyeurismo sonoro dos últimos muitos anos.
Miguel Arsénio
migarsenio@yahoo.com
RELACIONADO / Tropa Macaca
Discos
Marfim
2007
Entrevistas
O templo do ruído
17 Jan 2006
Ao Vivo
Tropa Macaca / Fish & Sheep
04 Nov 2005: Teatro Passos Manuel, Porto
Out.Fest 2007
16,17,23 Jun 2007: AMAC, Barreiro
Sexta-feira 13, 13 nomes
13 Jul 2007: Avenida da Liberdade 211, Lisboa
Psychic Ills / Tropa Macaca
26 Set 2007: Passos Manuel, Porto
Fabulous Diamonds / Tropa Macaca
12 Mar 2009: Galeria Zé dos Bois, Lisboa
ÚLTIMOS DISCOS
Bruno De Seda
Bruno De Seda
· POR Paulo Cecílio ·
Parolo.
ÚLTIMAS

Parceiros