Abril 2019
Catacombe: um candeeiro que volta a alumiar
· POR Fernando Gonçalves · 23 Abr 2019 · 17:47 ·
@Ricardo Martins


Imortalizado em palco, e na história da banda de Vale de Cambra, o candeeiro que um dia iluminou os pedais dos Catacombe irá voltar a alumiar no dia 14 de Junho no Porto. O mote para este concerto que decorrerá no Understage do Teatro Rivoli será dado por Scintilla, álbum que foi ao inicio dos tempos buscar a centelha que ilumina um breu de cinco anos desde que Quidam saiu das catacumbas.

Gravado e produzido por Daniel Valente, nos estúdios Caos Armado e no CCMP, misturado por Falk Andreas e masterizado por James Plotkin (O.L.D., Khanate), Scintilla, com edição para breve, pretende transportar-nos até àquele momento primordial em que o Homem descobre o fogo, para que milhões de anos mais tarde uma banda possa (re)descobrir o rumo.

Apesar deste novo/redefinido rumo dos Catacombe ainda não ter feto luz sobre qualquer single, fiquem com um excerto de “growing”, tema que a banda partilhou na sua página oficial de Facebook e que conta com a voz de Melissa Veras (papercutz:, (( ASA )) ):


The Psychedelic Furs em dose dupla
· POR Paulo Cecílio · 23 Abr 2019 · 15:54 ·


Os veteranos Psychedelic Furs regressam este ano a Portugal, para dois concertos em Porto e Lisboa onde irão reavivar as memórias de quem viveu os anos 80 e foi muito feliz ao som de temas como "Pretty In Pink".

A banda britânica subirá ao palco do Hard Club no dia 15 de Outubro, seguindo-se o do Lisboa Ao Vivo, a 16. Os bilhetes para ambos os espectáculos serão colocados à venda em todos os locais habituais a partir do dia 1 de Maio, ao preço de 28€.

Mark Lanegan bate à porta
· POR Fernando Gonçalves · 23 Abr 2019 · 15:50 ·

Travis Keller

Mark Lanegan anunciou hoje o lançamento de um novo álbum com a sua própria banda. Somebody's Knocking é o sucessor de Gargoyle, de 2017, e chegará a 18 de Outubro através da Heavenly / PIAS. Juntamente com este anúncio veio novo single, "Stitch It Up", já disponível para escuta.

A juntar a tudo isto, Lanegan revelou as datas da sua próxima digressão, e Portugal será um feliz contemplado. O norte-americano actuará no Lisboa Ao Vivo a 30 de Outubro, e no Hard Club a 31.

 
Os Ride não são um lugar seguro
· POR Paulo Cecílio · 23 Abr 2019 · 15:48 ·


© Kalpesh Lathigra

Os Ride anunciaram um novo álbum. This Is Not A Safe Place será editado no dia 16 de Agosto através da Wichita Recordings / PIAS e é o sexto álbum da banda britânica, o segundo desde que anunciaram a sua reunião, em 2014.

Tal como o seu antecessor, Weather DiariesThis Is Not A Safe Place foi produzido por Erol Alkan e é precedido por "Future Love", o seu primeiro single. Para ouvir aqui:

 
Musicadoria fecha portas com Marem Ladson
· POR Fernando Gonçalves · 23 Abr 2019 · 15:29 ·


Depois da Revolve ter levado ao palco do Café Concerto do Centro Cultural Vila Flor (CCVF) Jibóia e Dada Garbeck e do espaço cultural Banhos Velhos ter apostado todas as suas fichas nos Keep Razor Sharp, chegou a vez da Capivara-Azul Associação Cultural mostrar o jogo e finalizar a partida do Musicadoria no próximo sábado dia 27 de Abril com a folk-pop da galega Marem Ladson.

Como referimos, o concerto de Ladson será o último do Musicadoria, ciclo organizado pelo CCVF cuja curadoria esteve a cargo exclusivo de três promotoras vimaranenses (Revolve, Banhos Velhos e Capivara-Azul).

Marem Ladson sobe a palco às 23 horas e os bilhetes têm um custo de 5 euros.


Palas: Causa Perdida antecipa primeiro longa-duração
· POR Fernando Gonçalves · 23 Abr 2019 · 15:07 ·

@Nuno Sampaio

Depois da estreia em Outubro do ano passado com o EP Dente De Leão, o projecto, literalmente, em nome próprio do vocalista e guitarrista Filipe Palas (Smix Smox Smux, Máquina del Amor) está de regresso com um novo extended-play de seu nome Causa Perdida. Este EP, que contempla os temas “Causa Perdida”, “Novo Pecado” e “Fim”, serve de rampa de lançamento ao primeiro longa-duração de Palas que deverá andar à solta lá mais para o final do ano.

Fiquem com o amor doloroso de “Causa Perdida”, tema que conta com a participação de Graciela Coelho (vocalista de Dear Telefone e White Haus):


A avalanche Niki Moss
· POR Fernando Gonçalves · 23 Abr 2019 · 14:43 ·


Ainda com o pretérito single “GP Motorcycle Racing” a reverberar nos circuitos mentais, Niki Moss (Miguel Vilhena) continua a preparar o lançamento do seu novo álbum Gooey (10 de Maio) e, desta feita, vem em formato “avalanche de realidade”.

Nascida da dicotómica luta do “não pertencer, mas também não querer pertencer”, o novo e atmosférico single “Avalanches” versa sobre as avalanches de realidade que bloqueiam o caminho e soa assim:

O Amplifest está de volta, glória, glória, aleluia
· POR Paulo Cecílio · 23 Abr 2019 · 14:03 ·


Touché Amoré
 
Como Jesus, o Amplifest ressuscitou. Não após três dias, mas após três anos. O festival portuense regressa nos dias 12 e 13 de Outubro ao Hard Club, arrastando consigo a comunidade metálica com mais de dois neurónios e os alguns curiosos que ajudaram a fazer do Amplifest um ponto de paragem obrigatório nesta coisa da melomania.

Por ser um regresso, é também em grande. A edição deste ano contará com grandes como os Touché Amoré, que assim regressam a Portugal dois anos após a sua última visita ao país, Daughters, na ressaca do óptimo You Won't Get What You Want, JK Flesh, Nadja e Pelican, destacando-se ainda dois dos mais interessantes projectos do heavy-tuga actual: Candura e Gaerea.

(Os Amenra e os Deafheaven também vão, infelizmente)
 

Os bilhetes já se encontram disponíveis através da Amplistore, pelo preço de 75€, e todas as demais informações sobre o festival estão aqui. Bem-vindos de volta, pá.


Mais oito a bater à porta
· POR Paulo Cecílio · 23 Abr 2019 · 13:49 ·


First Breath After Coma

O festival A Porta anunciou hoje oito novos nomes para o cartaz da sua edição de 2019. São eles os First Breath After Coma, Bruno Pernadas, JP Simões, Fado Bicha, Captain Casablanca, La Jungle, Venga Venga e Bruxas/Cobras.

O festival realiza-se em vários pontos da cidade de Leiria entre os dias 14 e 24 de Junho, e podem saber tudo - ou quase - sobre o evento aqui.

 
Cartaz fechado no MUMA
· POR Paulo Cecílio · 23 Abr 2019 · 13:39 ·


Jibóia
 
O festival MUMA - Música Em Maio - anunciou hoje os últimos nomes que farão parte do cartaz da edição deste ano. Aos anteriormente anunciados Allen Halloween ou Joana Barra Vaz juntam-se agora Jibóia e dois nomes açorianos: DJ Milhafre e Horta G.

O MUMA irá espalhar-se por vários pontos da cidade da Horta, na ilha do Faial, e contará para além da música com uma programação paralela abrangendo outras artes, como o cinema. O festival realiza-se de 8 a 11 de maio e os passes estão à venda por 15€ até à próxima sexta-feira.

 
Festa é festa, dormir é para meninos
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 15:35 ·


The Glockenwise

Tem lugar no próximo sábado a sexta edição do Party Sleep Repeat, festival solidário que nasceu a partir de um tributo a Luís Lima, jovem de São João da Madeira com «um grande interesse por música e enorme consciência social». O festival terá lugar na Oliva Creative Factory e contará com a presença de nomes como os Glockenwise, Dead Combo, Parkinsons, Conjunto Corona e Jibóia, entre outros.
 
Os bilhetes estão à venda pelo preço de 15€, e as festividades começam por volta das 15h. Mais info aqui.

O gnration abre as portas
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 15:29 ·


Ammar808

Tem lugar no próximo sábado o já tradicional open day, o dia em que o gnration abre as suas portas ao público, também conhecido como o dia em que três/quatro idiotas acabam em Braga todos cegos depois de terem ido a Barroselas.

O sexto aniversário do espaço contará este ano com a presença de artistas como Ammar 808, Algobabez, Graham Dunning, Sensible Soccers, João Pais Filipe, Quadra, DJ K-Sets e a Escola do Rock Paredes de Coura, que por ali se apresentarão ao longo do dia. Isto, no que toca à música; não esquecer as instalações artísticas e  actividades educativas diversas, para os mais novos e não só.

Open day, para quem não sabe e precisa de tradução, significa à pala - pelo que não há bilhetes à venda. Mas há finos, e esses lamentavelmente são pagos. O programa completo está aqui.

Noname no Lux
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 15:23 ·


É já no próximo sábado que Noname se irá estrear por terras lusas. A rapper norte-americana virá até ao Lux para apresentar, ao vivo, os temas do aclamado Room 25, álbum de estreia editado no ano passado.

A primeira parte é assegurada por theMIND e os bilhetes estão à venda nos locais habituais, ao preço de 22€. Vai ser bom, acreditem.

Dose dupla de Procol Harum
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 15:18 ·


Os lendários Procol Harum irão regressar a Portugal esta semana, 25 anos após a sua última passagem por cá. A banda britânica, autora da inescapável "A Whiter Shade Of Pale", trará nas malas não só os velhos clássicos como também os temas de Novum, o seu mais recente trabalho (2017).

Os concertos estão agendados para os Coliseus de Lisboa e Porto, sexta-feira e sábado respectivamente, com os bilhetes à venda em todos os locais habituais.

Do alto de Barroselas, quatro décadas de peso vos contemplam
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 15:12 ·


Godflesh

Chegou aquela altura do ano; a altura em que boa parte da comunidade metaleira faz as malas e se põe na estrada, rumo à mais bela das regiões portuguesas, o Minho (continentalmente falando, claro: teremos sempre São Miguel). É a altura de SWR, o festival que celebra este ano 22 edições, sempre repletas de peso. E esta vale tanto ou mais que as outras. Sim, isto é um velho cliché... Mas é também verdadeiro.

Ao longo de quatro dias, de quinta-feira a domingo, irão passar por Barroselas quatro décadas de metal. Ora vejamos: os anos 80 serão bem representados pelos Godflesh, cujo Streetcleaner (marco fundamental na história do metal e influência para muito boa gente que vai a Roadburns e Amplifests) celebra este ano 30 desde o seu lançamento, e que ainda não apresentaram os temas de Post Self (2017) em Portugal, e pelos Saint Vitus, gigantes em pântanos diferentes (estes com muito mais erva, se é que me entendem), e que têm um novo álbum aí a chegar, homónimo.

Saltando até aos anos 90, encontramos o death metal dos Benediction e Vomitory, e uns anos mais à frente - já após o início do novo milénio - o dos Black Dahlia Murder, que virão mostrar Nightbringers (2017). A "nova vaga" estará bem representada por nomes como, por exemplo, os Serrabulho, que são sempre uma festa. E há ainda Arkhon Infaustus, Scúru Fitchádu, Grog, Morte Incandescente, Demilich ou os grandes Craft e Midnight na ementa, para além das inevitáveis papas, da imprescindível chanfana e, se o Grande Bode quiser, da lampreia que alguns andam a tentar devorar há anos no local onde ela sabe melhor.

Os bilhetes para o SWR estão à venda em todos os locais habituais e custam entre 38€ (diário) e 78€ (passe). Informações sobre onde ficar a dormir (se forem meninos e não acamparem) e coisas várias estão aqui. A playlist de aquecimento está aí em baixo. O pedido fica em caps lock: PAGUEM STEELS.

Panda Bear à solta na Culturgest
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 14:40 ·


É já esta quarta-feira que um dos nossos portugueses favoritos irá apresentar o seu novo álbum, com um concerto na Culturgest, em Lisboa. Noah Lennox, ou Panda Bear, subirá ao palco para nos mostrar os temas de Buoys, editado este ano, e presume-se que não irá descurar os seus temas mais antigos (os últimos alinhamentos apontam nesse sentido).

Quem queria bilhete é que já não vai ter sorte: esgotadíssimo. Mas nós depois contamo-vos como foi.

dEUS (a banda, não o senhor dos céus) regressa esta semana
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 14:33 ·


Deus ressuscitou e os dEUS também. Bom, quase. A banda belga está de volta a Portugal para celebrar os 20 anos do lançamento de The Ideal Crash, a casa de "Instant Street" e um dos mais aclamados álbuns do final dos anos 90.

Os dEUS subirão ao palco do Coliseu dos Recreios já esta quarta-feira, seguindo-se o do Hard Club, na quinta. Em ambos os casos, a primeira parte estará a cargo de Trixie Whitley e os bilhetes encontram-se à venda pelo preço de 26,27€.

Lisb-On com cartaz fechado
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 14:20 ·


Róisín Murphy

O Lisb-On anunciou hoje os últimos nomes para o seu cartaz. Destaque obrigatório: Róisín Murphy, que começámos por conhecer nos Moloko e que fomos encontrando, ao longo dos anos, nos nossos melhores sonhos (e em alguns discos bastante bons). Para além da irlandesa, passarão pelo Lisb-On artistas como Moodymann, Masters At Work, DJ Vibe (com Jamie Principle) e Marcel Dettmann, entre muitos outros.

Os bilhetes para a edição de 2019 do Lisb-On já se encontram à venda nos locais habituais, a preços que vão dos 26,50€ aos 68,90€. Todas as informações de que precisam estão aqui.

Os PISTA foram à praia
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 14:08 ·


Os barreirenses PISTA anunciaram o lançamento de um novo álbum. OCREZA será o título do novo registo do trio, que largou o bike-rock pelo baile-rock, abrindo as portas a África e à tropicalidade.
 
O primeiro single chama-se "GALAPINHOS" e foi gravado e produzido por Miguel Vilhena nos estúdios da pontiaq. A pré-apresentação do álbum está marcada para o próximo sábado na ADAO, pelas 22h.
 
Oma Nata e um café, sff
· POR Paulo Cecílio · 22 Abr 2019 · 13:41 ·


© Rita Lino


"The Discovery". É este o nome do novo single de Oma Nata, e que dará nome ao seu álbum de estreia, a editar pela Discotexas no dia 31 de Maio.

O álbum conterá, ao todo, sete temas e poderá ser dançado ao vivo num Super Bock Super Rock perto de si, a 17 de Julho, data do warm-up do festival.
 
Saigão ainda há-de ser Seoul outra vez
· POR Fernando Gonçalves · 19 Abr 2019 · 19:40 ·


Confusos? Não estejam. Não vale a pena perscrutar os tomos de Geopolítica ou História à procura de referências sobre Saigão algum dia se ter chamado Seoul ou pertencido à capital sul-coreana. Esta reconfiguração da toponímia sudoeste-asiática só faz sentido se a olharmos pelo ponto de vista do produtor bósnio Mirza Ramic (Arms and Sleepers) e do seu novo projecto cujo nome, Saigon Would Be Seoul, aponta para essa alteração de status quo.

Se esta extremamente maleável geopolítica musical pode parecer complicada, o processo criativo que levou àquele que será, a 21 de Junho, o primeiro álbum desta nova vida de Ramic ainda o é mais. Everywhere Else Left Behind, de seu nome e graça, foi escrito na Alemanha, Letónia, Estados Unidos e República Checa e, para além do piano como peça central, dá-se a divagações que passam pelo jazz e música ambiente com paragem na Literatura para, através da voz de Sofla Insua, se ouvir excertos de Camus, Kundera e Ugreslc.

O primeiro single deste Everywhere Else Left Behind vê hoje a luz do dia. Chama-se “The One To Lose” e é uma espécie de homenagem ao pai de Ramic que perdeu a vida em 1993 durante a Guerra da Bósnia. Bósnia-Herzegovina que voltará a estar em destaque aquando da edição do álbum com o lançamento simultâneo de “To Tell a Ghost”, filme documentário realizado por Stefan Ehrhardt e Chris Piotrowicz que retrata a infância de Ramic na sua Mostar natal, o campo de refugiados onde viveu durante a guerra e, por fim, o regresso a solo pátrio enquanto adulto para fechar as feridas deixadas pelo Passado.

Eis Saigon Would Be Seoul (na realidade, o nome chega até Mirza Ramic através de um dos contos pertencentes à série "The Refugees" do escritor vietnamita Viet Thanh Nguyen) e a sua “The One To Lose”:



Uma caixa cheia de tangerinas
· POR Paulo Cecílio · 18 Abr 2019 · 17:51 ·


Os Tangerine Dream irão lançar uma nova box set que reúne todos os álbuns que editaram pela Virgin, entre 1973 e 1979. In Search Of Hades: The Virgin Recordings 1973-1979 chega às lojas e aos fãs no dia 14 de Junho e conterá versões remasterizadas de Phaedra, Rubycon, Ricochet, Stratosfear, Encore, Cyclone e Force Majeure.

Juntamente com tudo isto serão ainda disponibilizados dois Blu-Ray, com versões surround sound de Phaedra, Ricochet e da banda-sonora para Oedipus Tyrannus, e ainda algumas gravações das sessões para Phaedra e registos ao vivo. Pré-encomendas aqui.

Siso: cascagrossa contra a caótica contemporaneidade
· POR Fernando Gonçalves · 18 Abr 2019 · 17:39 ·
Ana Alexandrino
@Ana Alexandrino

Identidade, afectos, ilusões e estruturas autoritárias são as linhas com que o mineiro Siso cose o seu poético-político novo single “Cascagrossa”. Pop com cheirinho de samba, pós-punk europeu, hip-hop e trip-hop, o novo single funciona para Siso como uma armadura que lhe fornece a determinação e a confiança para enfrentar os obstáculos do caótico mundo contemporâneo.

Eis “Cascagrossa”:

Loosense abrem Saloon
· POR Fernando Gonçalves · 18 Abr 2019 · 16:48 ·

© André Santos aka AFTA 3000
 
Nasceram numa garagem mas a sua música feita destino estava destinada a outros palcos. Ao ambiente fortemente marcado pelas ambiências mais clássicas e jazzísticas, os setubalenses Loosense abriram as portas a novos músicos e géneros tão diversos como funk, a soul ou o hip-hop e chegaram ao que será, em Setembro, o seu novo álbum de originais Saloon.

A abrir este Saloon encontramos “Taifa”, single que sintetiza a alma do novo álbum com as suas várias influências de diferentes estilos musicais. Este single, cujo nome se refere ao mítico bar de Setúbal “Taifa”, serve de mote a uma digressão que vai levar os Loosense a Évora, Porto, Lisboa e Sines.

23 de Abril, Aniversário Sociedade Harmonia Eborense, Praça do Giraldo, Évora
27 de Abril, Festa da Camaleão, Teatro do Bairro, Lisboa
10 de Maio, Plano B, Porto
11 de Maio, Auditório Municipal de Sines

Eis “Taifa”:

Corrosion Of Conformity de regresso a Portugal
· POR Paulo Cecílio · 18 Abr 2019 · 16:26 ·


Os norte-americanos Corrosion Of Conformity passarão por Portugal em Junho para celebrar os 25 anos de Deliverance, álbum considerado como um dos grandes clássicos do metal da década de 90.

A banda de Raleigh, na Carolina do Norte, irá apresentar-se no Hard Club no dia 24 de Junho, data única em Portugal, e trará também consigo os temas do seu mais recente trabalho, No Cross No Crown, editado em 2018. Os bilhetes já se encontram à venda pelo preço de 20€.

Últimos nomes para o Waking Life
· POR Paulo Cecílio · 18 Abr 2019 · 13:08 ·

Hailu Mergia

O festival Waking Life anunciou hoje os últimos nomes que farão parte do seu cartaz. Hailu Mergia, Adiel, Rhadoo, Tommy Guerrero e Terrence Dixon juntam-se assim a um alinhamento que já contava com grandes como Four Tet e Seth Troxler, entre muitos outros.

O Waking Life realiza-se de 14 a 19 de Agosto no Crato e os bilhetes encontram-se à venda pelo preço de 125€. Todas as informações adicionais estão aqui.

Vira Pop fecha cartaz
· POR Paulo Cecílio · 18 Abr 2019 · 11:50 ·

Rizan Said


O Vira Pop anunciou hoje os últimos nomes para o seu cartaz. O destaque vai, desde logo, para o sírio Rizan Said, conhecido por acompanhar e produzir Oman Souleyman.

Said virá apresentar o seu álbum de estreia, The King Of Keyboard, e a ele juntam-se o DJ e produtor Miguel Torga (heterónimo de Hugo Vinagre) e a bracarense Rita Sampaio, vulgo IVY, também ela com disco a solo para mostrar.

O Vira Pop contará, ainda, com uma curadoria d'A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria e com programação da editora galega La Melona. O festival realiza-se a 28 e 29 de Junho, no Parque das Termas de Caldelas, em Amares. A entrada é, como sempre, gratuita.

 
Mano a Mano: um novo duelo à guitarra
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 18:20 ·

© David Cachopo
 
Os irmãos e guitarristas André e Bruno Santos estão de volta aos seus “duelos” de guitarra com o álbum Vol.3 que, desta feita, junta à já habitual parafernália de guitarras e pedais os cordofones (braguinha e rajão) da sua Madeira natal. Neste Vol.3, André e Bruno Santos compuseram e fizeram arranjos, explorando as inúmeras possibilidades que um duo de guitarras (e alguns efeitos) oferece, acrescentando-lhes o Rajão e o Braguinha, instrumentos tradicionais da Ilha da Madeira que ajudam a completar um arranjo discográfico onde o original é a palavra de ordem com excepção das versões para os temas “Stardust” e “Noites da Madeira”.

À semelhança das suas criações anteriores, os manos vão levar o som e as histórias (dentro e por detrás) deste Vol.3 um pouco por todo o país numa digressão que começa já no dia 30 deste mês, com um showcase de apresentação do álbum na APAV em Lisboa.

Fiquem com “Canção em Lá”:



Digressão Vol.3 (concertos agendados até à data):

30 Abr. APAV, Lisboa (showcase de apresentação)
06 Mai. Festa da Flor, Funchal
10 Mai. Jazz na Ordem, Porto
25 Mai. Jazz na Quinta, Alhandra
13 Jun. Jazz no Parque, Vila Nova da Barquinha
01 Ago. Jazz na Praça da Erva, Viana do Castelo
09 Ago. Santa Curtas, Santa Cruz
31 Out. Teatro Municipal Baltazar Dias, Funchal
16 Nov. Cineteatro Grandolense, Grândola
24 Jan. Centro Cultural de Belém, Lisboa
O fogo segundo Flying Lotus
· POR Paulo Cecílio · 17 Abr 2019 · 17:38 ·


O produtor norte-americano anunciou hoje um novo álbum, o primeiro desde You're Dead!, de 2014. Flying Lotus irá editar Flamagra no próximo dia 24 de Maio através da Warp e o primeiro single, um tema spoken word interpretado por David Lynch, já se encontra disponível para escuta.

O tema vem acompanhado de um vídeo realizado pelo próprio Lotus e por David Firth, que pode ser visto aqui:

Cigana ata o Passado no Presente
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 17:28 ·

© Isabela Georgetti
 
Apesar de já contarem cinco anos de existência, os paulistas Cigana só agora conseguiram atar todos os nós. Depois de dois EP e uma série de singles, a banda nascida no estado de São Paulo, Brasil, entregou-se a um exercício de autoconhecimento que durou três anos e que, atadas todas as pontas soltas, resulta agora numa viagem chamada Todos os Nós (via Sagitta Records). E, afinal de contas, porquê agora e porquê assim? Tem a palavra o guitarrista da banda Matheus Pinheiro:

“Esse álbum significa duas coisas em uma: um ponto final e um ponto inicial. Um ponto final porque, depois de 5 anos de banda, inúmeros shows, festivais, gravações, parcerias e experiências que mudaram nossas vidas, conseguimos reunir 8 músicas que mostram, pelo menos no agora, o que é a Cigana. Existem músicas do disco que estão numa versão 'demo' no nosso primeiro EP (2014), e músicas que terminamos só no início de 2019. Então, são oito canções que mesclam nosso passado e nosso presente pra passar o que é o nosso agora”, explica o músico.

Oito músicas que vão do indie ao jazz passando pelo post-rock e pela mpb como uma viagem interna profunda que contou, ainda, com a participação especial de Diretriz, Josiele Araújo (Souela), Caio Olímpio, Thiago Val (Laranja Oliva) e composição em parceria de Victor Meira (Bratislava, Godasadog).

Eis Todos os Nós, definitivamente atados, dos Cigana:

A trilogia de Mr. Gallini: tomo segundo, primeiro single
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 16:52 ·


Nascido em Pisões, Montalegre, mas com a vida feita essencialmente em Alcobaça ao comando da bateria dos Stone Dead, Bruno Monteiro deu-se, em 2018, à vontade de criar um projecto em nome próprio. Assim nasceu Mr. Gallini e o seu primeiro disco Lovely Demos (2018), trabalho que se insere numa trilogia que acaba de conhecer o seu segundo tomo por intermédio do single “The Future”.

O tema serve de apresentação a The Organist (Maio, Lovers & Lollypops), disco de face pop que encontra referências na brit-pop dos anos 90 e na space era dos anos 50 mas que, ao invés de nostálgico, tenta ser um exercício de intemporalidade que alimente a chama da imaginação.

Eis "The Future":

Oruã pode tudo antes da Europa
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 16:15 ·

© Isabela Georgetti
 
Entre uma assinalável tournée pelos Estados Unidos da América e uma vinda ao velho continente, com passagem por Portugal (5 de Junho na ZDB), o trio carioca Oruã acaba de lançar o EP Tudo Posso, extended-play que serve de prelúdio ao segundo disco do grupo, que devera estar cá fora em Junho ou Julho deste ano.

Situado algures entre o rock e o free jazz, Tudo Posso descreve-se como recortes de um e do outro género que se encaixam para moldar uma nova forma de compor e tocar ainda mais livre e espontânea do que no predecessor Sem Bênção / Sem Crença de 2017 e que pode ser escutada, na íntegra, aqui:

Sarah McCoy traz disco de estreia a Portugal
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 15:42 ·

© God Save The Screen
 
Já comparada a nomes tão icónicos como Janis Joplin ou Tom Waits, a cantora americana que se estreou nas edições em nome próprio no passado mês de Janeiro com Blood Siren vai passar por Portugal em Outubro e Novembro deste ano.

Esta digressão nacional de Sarah McCoy arranca a 25 de Outubro no Centro de Arte de Ovar, passando depois por outras salas emblemáticas como o Teatro Diogo Bernardes em Ponte de Lima (26/10), o Centro Cultural de Belém em Lisboa (27/10), o Teatro Municipal da Guarda (31/10), o Teatro Sá da Bandeira em Santarém (01/11) e, finalmente, o Theatro Circo em Braga (02/11).

Fiquem com “Boogieman”, tema extraído a Blood Siren:

Mais 5 nomes para o Rodellus
· POR Paulo Cecílio · 17 Abr 2019 · 12:28 ·

Palmers
O festival para quem não tem medo do campo celebra este ano a sua 5ª edição e anunciou, hoje mesmo, mais cinco nomes para o cartaz. São eles os dos Palmers, Brutus, Acid Cannibals, GoBabyGo e QUADRA, que assim se juntam aos anteriormente anunciados.

O Rodellus realiza-se de 18 a 20 de julho, em Ruílhe (Braga) e os bilhetes estão à venda pelo preço de 15 euros até ao dia 30 de junho.

III Internacional Anarchicks
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 12:21 ·


Depois de “fundarem” os longa-duração Really?! (2013) e We Claim the Right to Rebel and Resist (2016), a anarquia feita música no feminino reinventou-se, reagrupou-se e está pronta para não deixar pontas soltas com o novo Loose Ends. Com Rita Sedas a estrear-se na voz, o novo trabalho das Anarchicks, que hoje chega aos escaparates, apaga os limites que separam o rock do punk e do electro através de nove canções que se atiram às questões e narrativas em aberto que adejam ao vento na existência quotidiana.
 
Para além de passagem garantida pelo Side B Rocks (26 de Abril), a III Internacional Anarchicks aka Loose Ends, com suporte dos Shivers, tem ainda confirmada a presença em festivais espanhóis como Portamerica, Granirock e El Milanito.
 
É Invenção mas, na realidade, há mesmo single novo no universo Boogarins
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 12:17 ·


Não é mentira mas não deixa de ser “Invenção”. O assunto é o segundo single a sair do, também ele novo, disco dos brasileiros Boogarins intitulado Sombrou Dúvida, cuja estreia mundial acontecerá no dia 10 de Maio. “Invenção” surge depois do lançamento de “Sombra ou Dúvida” no passado mês de Fevereiro e traz-nos um beat samplado da faixa “LVCO 4” do álbum Lá Vem a Morte (2017), ruídos e voz feitos de gravações de telemóvel que pretende, através da conexão sensorial entre letra-sons-produção, potenciar um novo tipo de sentido que ajude a descobrir novos significados nas coisas e nos sentimentos de que se rodeia a vida.
 
Se provas faltassem de que esta “Invenção” não é invenção, fiquem com o vídeo da nova invenção dos Boogarins:
 
Os pássaros que dão corda ao mundo de Sentidor
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 12:14 ·


Tal como o pássaro de corda, metaforicamente, dava corda ao mundo de Toru Okada no romance de Murakami, o novo mundo proposto pelo músico e artista plástico mineiro João Carvalho aka Sentidor encontra no figurado cantar dos pássaros a roda motriz que o expande e multiplica, permitindo a existência da grande torrente inominável da vida. Breviário dos Pássaros é o nome deste novo mundo e resulta de sessões de improviso, modelamentos de cantos de pássaros, samples livres, gravações de campo e processamento digital desses elementos num corpo de disco que Sentidor descreve como “um mosaico musical que invoca uma linguagem ecológica e transespecífica” com o objectivo de criar “um plano de transição-de-consciência entre humanos, máquinas, pássaros e espíritos”. Em suma, conclui o músico, um “tecnoxamanismo mutante e pulsante”.
 
Nascido no ano da graça de 2012 em Belo Horizonte, Sentidor é um projecto audiovisual experimental que reúne elementos electrónicos, regionalismos brasileiros e poesia tendo em vista a criação de paisagens sonoras oníricas pelo registo dos sons no seu campo natural. Para além deste novo Breviário dos Pássaros, que será editado no próximo dia 25 de Abril via La Petite Chambre Records, o projecto dos olhos de João Carvalho já conta com mais de sete álbuns, entre os quais se encontra a releitura de Passarim de Tom Jobim através de Am_Par_Sis (2017), e a banda sonora do espectáculo “Eletrònicolírica” do poeta Hugo Lima.
 
Fiquem com Breviário dos Pássaros na íntegra em primeira audição:
 
paris_monster estreiam-se em Portugal
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 12:02 ·


Os nova-iorquinos paris_monster (Josh Dion e Geoff Kraly) vão estrear-se em território luso no próximo dia 3 de Maio no auditório do Centro Católico de Operários do Porto. Para esta estreia, o duo de raiz funk/soul mas que aposta na electrónica experimental traz na bagagem o seu ruidoso e orgânico primeiro longa-duração, intitulado Lamplight (Janeiro, 2019).
 
No dia seguinte, os paris_monster dão um workshop integrado no festival de percussão e bateria de Lavra, Vila do Conde, onde Josh Dion, acompanhado por Geoff Kraly, vai demonstrar algumas das suas técnicas de percussão e voz.
 
A entrada para a estreia dos paris_monster em Portugal custa 10 euros.
 
Fiquem com “Deathbed Song”, tema que integra o alinhamento de Lamplight:
 
Karma: cartaz fechado, programação completa
· POR Fernando Gonçalves · 17 Abr 2019 · 11:59 ·

Dada Garbeck
 
Depois das confirmações de Jibóia, Pop Dell’Arte, Gala Drop e Oficina de Estranhofones, a organização da “edição zero” do viseense Karma – Is a Fest – 2019 fecha o cartaz com o anuncio de José Pedro Pinto, Dada Garbeck, The Dirty Coal Train, Keep Razors Sharp, Montanhas Azuis, Osmose, Sensible Soccers, Ohxalá, A Voz do Rock e o inefável Sr. Jorge (residência artística + concerto). A estes catorze concertos e residência artística junta-se, ainda, uma oficina, um debate, uma fanzine e uma exposição de fotografia e uma série de documentários com a chancela Antena 3.
 
Nascido das entranhas da viseense Cooperativa Cultural Acrítica, o Karma – Is a Fest realiza-se entre os dias 3 de Maio e 1 de Junho no espaço Carmo’ 81, sede da cooperativa.
 


Programação completa:
 
3 de Maio
21h30m/ Pop Dell’Arte (6 euros)
00h00m/ DJ Set - Osmose
 
4 de Maio
22h30m/José Pedro Pinto
23h45m/ Montanhas Azuis
 
8 de Maio
10h30m/ Escola Emídio Navarro/ A Voz do Rock
 
9 de Maio
22h00m/ Doc’s Antena 3I Love My Label - Editoras (6 x 15'')
 
11 e 12 de Maio
10h00m – 17h00m/ Oficina de Estranhofones
 
15 de Maio
10h30m/ Internato Vítor Fontes/ A Voz do Rock
 
16 de Maio
22h00m/ Doc’s Antena 3 Uma espécie de punk (60'')
 
17 de Maio
22h30m/ The Dirty Coal Train
23h45m/ DJ Set – César Zembla
 
18 de Maio
22h30m/ Dada Garbeck
23h45m/ Gala Drop
 
22 de Maio
10h30m/ Agrupamento de Escolas Infante D. Henrique - Escola Básica Paradinha/ A Voz do Rock
 
24 de Maio
22h00m/ Doc’s Antena 3I Love My Label - Ser Independente (62'')
23h00m/ Talk “Ouvimos KARMA?”
 
25 de Maio
22h30m/ Jibóia
23h45m/ Keep Razors Sharp
 
31 de Maio
22h30m/ Residência + Apresentação (Concerto) Sr. Jorge
 
1 de Junho
22h30m/ Sensible Soccers
23h45m/ Ohxalá
Após o encerramento do festival, durante o ano de 2019
Fanzine KARMA + Exposição de Fotografia
Orphaned Land de volta a Portugal
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:59 ·


Os israelitas Orphaned Land regressam esta semana a Portugal para apresentar os temas de Unsung Prophets & Dead Messiahs, o seu último álbum, editado em 2018.

A banda, que mistura heavy metal com outras influências do Médio Oriente e da Ásia, irá actuar esta quarta-feira no Hard Club, no Porto, e esta quinta no RCA, em Lisboa. As primeiras partes estarão a cargo dos Subterranean Masquerade e dos SystemHouse 33 e os bilhetes estão à venda por 20€.

Robert Forster em Portugal
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:52 ·


No mesmo ano em que edita um novo álbum, Inferno, Robert Forster passará por Portugal. O homem que deu ao mundo os Go-Betweens virá apresentar esse mesmo disco ao nosso país em Novembro, com dois concertos no Porto e em Lisboa.

O primeiro palco a acolhê-lo será o do Passos Manuel, a 22 de Novembro, seguindo-se o do Musicbox, no dia seguinte. Os concertos têm a chancela do Gig Club e os bilhetes serão colocados à venda esta quarta-feira, pelos preços de 10€ para sócios e 15€ para o público em geral.

Afinal havia Out.Ra e nós gostamos de repetir títulos
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:47 ·

Sir Richard Bishop © Uwe Faltermeier

A Out.Ra - Associação Cultural acaba de anunciar os nomes que irá levar até ao Barreiro, ao longo dos próximos meses. Destaque obrigatório: Sir Richard Bishop, ex-Sun City Girls, que se irá estrear naquela cidade no dia 4 de Julho, na biblioteca do município.

Antes disso, terá lugar na ADAO a 3ª Noite da Raposa, que juntará Simão Simões, Odete, Méri, Mimimic, Nada-Nada e Violeta Azevedo (a 3 de Maio), e o espaço A4 acolherá Shaka Lion, Minguito, Kikko + George Silver, Linha Amarela e Off Lero 999 (a 18 de Maio). Os polacos Lonker See (7 de Junho) e o free jazz segundo Luís Lopes, Fred Lonberg-Holm, Ingebrigt Haker Flaten e Gabriel Ferrandini (21 de junho) compõem o cardápio. Mais info aqui.


Peito Banguela: uma ponte transatlântica
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 16:33 ·


Mais do que protocolos, tratados ou diplomacia de pacotilha, a Cultura afirma-se como o verdadeiro veículo de aproximação e partilha entre Portugal e Brasil. O mais recente exemplo vem dos “empreiteiros”, mais da alma do que da infra-estrutura, Keso e Luca Argel que acabam de lançar “Peito Banguela”.

Primeiro avanço desta colaboração luso-brasileira nascida no Porto, “Peito Banguela” é, nas palavras dos seus autores, “dedicada a todas as mulheres e homens que que sabem perder paixões e seguir o seu caminho” e apresenta-se como uma mensagem contra a violência doméstica. Fiquem com a transatlântica “Peito Banguela”:
 
Bons Sons apresenta o seu cartaz
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:29 ·
Diabo Na Cruz


O festival Bons Sons apresentou esta terça-feira o cartaz daquela que será a sua 10ª edição. De 8 a 11 de Agosto, as novidades serão muitas, desde logo com o anúncio de que a lotação este ano será menor: de 40 mil para 35 mil pessoas. As 10 edições (em 13 anos) serão, também, celebradas de forma especial, com um concerto de abertura e uma festa de encerramento.

A abertura estará a cargo da Orquestra Filarmónica Gafanhense, que irá compor e interpretar 10 temas, um por cada edição. E as surpresas não terminam por aí; 13 bandas irão celebrar a efeméride com espectáculos especiais. Os Diabo Na Cruz são uma delas, seguindo-se uma série de colaborações improváveis e se calhar irrepetíveis: First Breath After Coma + Noiserv, The Glockenwise + JP Simões, Joana Espadinha + Benjamim, Lodo + Peixe, Sensible Soccers + Tiago Sami Pereira e Sopa de Pedra + Joana Gama. Já o encerramento estará a cargo de um homem que sabe o que é festa: Moullinex.

Para além disso, pelo Bons Sons 2019 passarão ainda artistas como Tiago Bettencourt, Júlio Pereira, Luísa Sobral, Dino D'Santiago, Pop Dell'Arte, Baleia Baleia Baleia, DJ Ride ou Scúru Fitchádu entre muitos, muitos outros. O Bons Sons realiza-se de 8 a 11 de Agosto e os bilhetes já se encontram à venda a preços que vão dos 22€ (diário) aos 45€ (passe geral). Querem saber mais? Ide aqui.

Let's hear it for Frankie Chavez
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:19 ·


Frankie Chavez vai #SerPorto e apresentar os temas da sua já notável carreira ao Museu do FC Porto, mais concretamente ao Auditório Fernando Sardoeira Pinto, já esta quinta-feira, 18 de abril. Para além da malha que levou ao Festival da Canção, haverá espaço para canções de discos como Heart And Spine, de 2014.

Tudo começa pelas 21h30 e os bilhetes estão à venda a preços que vão dos 5€ (sócios) aos 7,5€ (público em geral). E até o Brahimi lá irá dar uns toques. Se calhar.

Mais nomes para o Neopop
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:13 ·

Jeff Mills


O Neopop anunciou esta terça-feira mais nomes para um cartaz que já era grande antes, devido à presença dos Underworld. Mas, como nunca existem excessos na vida, eis os novos nomes, com destaque desde logo para um verdadeiro Senhor Techno, Jeff Mills.

Laurent Garnier (outro senhor), Hardfloor, Rui Vargas e os Sensible Soccers são as demais confirmações, juntando-se assim aos artistas anteriormente anunciados. O Neopop realiza-se de 7 a 10 de Agosto em Viana do Castelo e os bilhetes encontram-se à venda em todos os locais habituais, a preços que vão dos 35€ aos 175€.

Escacar pedra em Alcobaça
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:07 ·

The Smoggers

O festival Pedra Rock cumpre este ano a sua 12ª edição, e levará até Moleanos (Alcobaça) nomes que farão as delícias dos fãs do rock mais garageiro. O destaque principal vai para a vinda dos espanhós The Smoggers, que se juntam no cartaz às Juanita Banana, aos 10 000 Russos, aos locais Sidewalkers e a Marciano.

Para além dos concertos, irá também ser apresentado o livro Uma Cena Ao Centro, de Pedro Miguel, que aborda o movimento musical alternativo que passou como um cometa por Leiria nos anos 90, e haverá ainda uma exposição fotográfica de Iolanda Pereira.

O Pedra Rock realiza-se no dia 4 de Maio, estando os bilhetes à venda pelo preço mísero de 5€. Tudo o resto está aqui.
 
Meu querido Jazz de Agosto
· POR Paulo Cecílio · 16 Abr 2019 · 16:00 ·

Marc Ribot
 
O Jazz Em Agosto regressa este ano para aquela que será a sua 36ª edição, que este ano se focará num tema imprescindível: o da Luta, assim, com maiúscula. A primeira salva desta revolução será dada por um nome bem conhecido do público português, e que dará no festival o seu terceiro concerto em Portugal este ano: Marc Ribot, que virá apresentar os temas de Songs Of Resistance, editado em 2018.

Nos demais dias, destaque para a vinda dos Heroes Are Gang Leaders, Burning Ghosts e Nicole Mitchell, bem como para o regresso de Mary Halvorson ao país. O Jazz Em Agosto realiza-se de 1 a 11 do mesmo mês, no auditório e salas da Gulbenkian. Saibam mais - incluindo o preço dos bilhetes para cada dia - aqui.

Respira! regressa ao Theatro Circo
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 15:50 ·

Rami Khalife
 
Entre os dias 2 e 4 de Maio o Theatro Circo volta a “respirar”. Falamos do regresso do Respira!, festival dedicado ao piano que vai para a sua terceira edição e que, este ano, faz de Braga uma mini-cimeira das Nações Unidas com o londrino Alfa Mist, o americano Lonnie Holley, o ucraniano Lubomyr Melnyk, a escocesa Kathryn Joseph e o libanês Rami Khalife, os dois últimos em estreia absoluta em Portugal.
 
O primeiro (2 de Maio) a subir ao palco do Theatro Circo será Alfa Mist, pianista que aproveitará a passagem por Braga para dar a conhecer o seu novo álbum Structuralism, disco que sucede aos icónicos Nocturne e Antiphone. Acabado a “prédica de Saussure”, o dia 3 de Maio traz o músico e artista plástico americano Lonnie Holley com o seu aclamado MITH (2018) e o libanês Rami Khalife que fará a sua estreia em território luso com o seu Lost. Last but not the least, o último dia de festival é tempo de uma viagem para Leste com o ucraniano Lubomyr Melnyk e a sua “música continua” (técnica que consiste em tocar notas rápidas em longas séries) a que se junta, em estreia absoluta no nosso país, a “Björk” escocesa Kathryn Joseph, que levará à cidade dos arcebispos o galardoado Bones You Have Thrown Me And Blood I’ve Spilled (eleito melhor álbum escocês de 2015 nos BBC Awards) e o seu segundo trabalho discográfico from when I wake the want is.
 
Os bilhetes já estão disponíveis para venda, sendo que o preço de cada noite é de 12 euros (6 euros com Cartão Quadrilátero) e o passe geral para as três noites é de 20 euros.
 
Mattiel de regresso com Satis Factory
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:27 ·


A alquimista de Atlanta, Estados Unidos da América, está de regresso às edições com o seu segundo álbum de originais, Satis Factory. O sucessor do seu primogénito e homónimo Mattiel (2017) sairá oficialmente no dia 7 de Junho via Heavenly Recordings, e foi produzido por Randy Michael e Jonah Swilley na terra natal desta artista, que é conhecida pela mestria com que consegue equilibrar nos pratos da balança o rock saúdo dos anos sessenta com o blues, a soul e o pop mais contemporâneo.
 
Fiquem com “Keep The Change”, single de apresentação para este Satis Factory:
 
Marcos Valle traz o samba ao Verão luso
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:24 ·


O decano da mpb está de regresso a Portugal. Depois de no ano passado ter actuado no B.Leza, Marcos Valle tem marcada nova visita ao nosso país para um concerto no Estúdio Time Out, em Lisboa, no dia 5 de Julho. Os bilhetes encontram-se à venda por 17,5 euros.
 
Entre as dezenas de êxitos que foi coleccionando ao longo de uma carreira que já conta mais de cinquenta anos está este “Samba de Verão”, tema gravado originalmente em 1964 e que podem recordar a partir de agora:
 
Curlicues, um recomeço
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:22 ·


Perdeu-se nas ruas de Saigão, Tóquio e Lisboa mas foi em Sheffield, Reino Unido, que encontrou a sua casa. Compôs, gravou, foi comparado a Sun Kil Moon e recomeçou. Dono de uma estética folk que, até agora, foi moldada pela pastoril paisagem campestre britânica, L.A. Foster aka Curlicues mudou de rumo e recomeça com o novo álbum Private Life.

Neste novo trabalho, o folk é substituído pela chamber-pop e o pastoril engavetado para dar lugar a canções que colocam, de forma brutal e mais realista, o Homem como actor principal do ciclo da morte e do renascimento. Fiquem com “A New Beginning”, tema símbolo deste novo Private Life:
 
O delicado sol de inverno dos Elva
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:19 ·


Uma australiana, um norueguês e mundo natural tão doce como selvagem. Estas são as premissas que assistem ao nascimento de Elva (“o rio”), novo projecto de Elizabeth Morris (Allo Darlin) e do seu companheiro, de vida e carreira, Ola Innset (Making Marks e Sunturns) que já corre em direcção ao disco de estreia Winter Sun (19 de Abril).
 
Detalhado e delicado, com uma mistura de guitarras acústicas e distorcidas, teclados vintage, cordas e harmonias vocais intrincadas, o primeiro álbum de Elva é uma gentil combinação de opostos que ora se deita com o Verão australiano, ora se atira de cabeça às profundezas do Inverno norueguês. No meio, um delicado Winter Sun.
 
Eis o single “Athens”:
 
Quadra com chili electrónico
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:16 ·


Depois do chili com carne, do chili da tia Vera e da tortilha com chili eis que surge a receita, da autoria dos Quadra, de chili electrónico. Depois da aposta no nobre Cacau em 2018, os bracarenses Quadra mudaram de ingrediente e apostam agora num Chili que pica a electrónica e promete dança. A apresentação oficial ao vivo da nova receita sonora dos Quadra, essencialmente mais instrumental, terá lugar no próximo dia 27 de Abril no bracarense gnration.
 
Fiquem com o single “Chili”, tema que dá nome ao álbum e que traz na voz Rita Sampaio (Grandfather´s House , IVY):
 
IndieLisboa “casa” Norberto Lobo com Chullage
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:13 ·


Depois de em 2018 ter contado com a então promessa Conan Osiris, a festa de Antecipação do IndieLisboa 2019 convidou o Casório Jameson Caskmates & Musa para um concerto com dois nomes consolidados no panorama musical português: Norberto Lobo e Chullage.

A união terá lugar no dia 24 de Abril entre as 22h e as 3h, nas Carpintarias de São Lázaro, e será apadrinhada por Rui Miguel Abreu.
 
Os bilhetes custam seis euros.
 
Walk & Dance 2019: programa das festas
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 12:10 ·

Da Chick
 
Se estiver pelos lados de Freamunde e por fortuna encontrar Da Chick a comer um mil folhas ou Filipe Sambado e Acompanhantes de Luxo a atacarem um capão na bela da tasca, saiba que poderá ter dado de caras com a quinta edição do IberiumCafés Walk & Dance.

O festival decorre entre os dias 17 e 20 de Abril, em cinco espaços diferentes da cidade de Freamunde, e poderá ser saboreado por 10 euros (bilhete diário) ou 18 euros (passe geral). Para além dos concertos propriamente ditos, e de braço dado com o festival, vai realizar-se a exposição de fotografia “DOZE” de Vera Marmelo, até 20 de Abril, na Casa da Cultura de Freamunde, com entrada gratuita.



Eis o programa completo das festas:
 
Dia 17 de Abril, quarta-feira
 
Palco Viagens 360º - Garden’s Bar
West Coast Men, 21h30
 
Dia 18 de Fevereiro, quinta-feira
 
Palco Letra - Associação de Socorros Mútuos
Hélio Ribeiro, 22h00
S.Pedro, 23h15
Filipe Sambado e Acompanhantes de Luxo, 00h15
 
Palco Footlovers – Oito & Oitenta
Love, 01h15
 
Dia 19 de Fevereiro, sexta-feira
 
Palco IberiumCafés – Associação de Socorros Mútuos
O Gringo Sou Eu, 22h00
Pop Dell’Arte, 23h15
The Parkinsons, 00h15
 
Palco Óptica Pacense – Espaço A
Gator, The Alligator, 01h15
Eduardo Morais, 02h30
 
Dia 20 de Fevereiro, sábado
 
Palco Maroco – Cervejaria Fratelli
Hot Air Ballon, 16h45
 
Palco IberiumCafés – Associação de Socorros Mútuos
Iguana Garcia, 22h00
Glockenwise, 23h15
Da Chick, 00h15
 
Palco Óptica Pacense – Espaço A
Músculo!, 01h15
Celestemariposa, 02h30

Sabotage celebra o 6º aniversário
· POR Paulo André Cecílio · 16 Abr 2019 · 12:03 ·

The Parkinsons
O Sabotage irá celebrar 6 anos de vida no próximo mês de Maio e, como é habitual nestas coisas, nós é que iremos fazer a festa. Ao longo de três dias, de 2 a 4 de Maio, o espaço lisboeta irá acolher concertos de Löbo, Jibóia, Parkinsons, Biznaga, Sunflowers, Fugly e Moon Preachers, numa tentativa de trazer a casa abaixo (no bom sentido, como é óbvio).

Ainda não sabemos se vai haver bolo mas já há bilhetes à venda: 10€ os diários, 25€ o passe para a festa completa. Mais aqui.


Ó Moça, não é pêra doce ser um bom marido
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 11:59 ·


Não, não é. Que o digam os lisboetas Bom Marido que, na sua simplicidade folk/pop/rock/alternative/psychedelic/electronic, passam os olhos pela “Moça”, single extraído ao seu novo álbum Pêra Doce cuja estreia acontece já hoje.
 
Quatro dias depois da edição, este novo disco dos Bom Marido vai perder a virgindade ao vivo no dia 20 de Abril na Casa Independente em Lisboa, altura em que poderão, como agora, escutar esta “Moça”:
 
FingerFingerrr têm unhas para um Rollz Royce
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 11:54 ·


Quase três anos depois do lançamento do seu disco de estreia, MAR (2016), a dupla brasileira FingerFingerrr recuperou o toque de Midas e está de volta com o single “Rollz Royce”, tema que apresenta os “indie-punk-funk” FingerFingerrr sob uma faceta mais “quente, astral e sexy”, que serve de embalo a um novo disco que aparecerá por aí brevemente.
 
Eis os regressados FingerFingerrr e este “Rollz Royce”:
 
Rastilho Records reedita 1ª demo dos Tédio Boys
· POR Fernando Gonçalves · 16 Abr 2019 · 11:49 ·


A editora Rastilho Records reeditou a primeira demo dos viscerais Tédio Boys, banda fundamental do rock português dos anos 90 que viria a dar origem a nomes tão conhecidos como The Legendary Tigerman, Parkinsons ou os Twist Connection.

Originalmente lançada em cassete, Porkabilly Psychosis - The Demo Tape (1992), semente do que viria a ser o primeiro álbum dos Tédio Boys em 1994, chega agora nos formatos CD e LP.

Fred Ferreira estreia-se em nome próprio
· POR Fernando Gonçalves · 15 Abr 2019 · 18:12 ·

© Vera Marmelo
© Vera Marmelo

Depois de anos de cuidados prestados ao quintal do vizinho, o baterista e compositor Fred Ferreira (Orelha Negra, Banda do Mar, Francis Dale, etc.) decidiu cultivar o seu e o resultado é O amor encontra-te no fim, disco de estreia em nome próprio que será editado em Maio.
 
Extremamente pessoal e transmissível, O amor encontra-te no fim representa uma viagem pelos mais recentes meses de vida de Fred e conta com a colaboração de vários músicos que, com ele, têm partilhado o palco e o estúdio da vida. Este é o caso de Marcelo Camelo que participa no single de apresentação “Boo” com que, por ora, vos deixamos:

Diron Animal tira “You and Me” do armário
· POR Fernando Gonçalves · 15 Abr 2019 · 14:18 ·


A primeira amostra para o novo álbum de Diron Animal saiu do armário. Joint-venture entre Diron e Moullinex, “You and Me” constrói-se como um apelo à sociedade para que não discrimine as pessoas com base nas suas escolhas sexuais. Este propósito está bem patente no vídeo que acompanha a música, em que Diron forma um casal gay com André Cabral (actor e dançarino) para encorajar as pessoas gay não assumidas a saírem do armário.
 
“You and Me” fará parte de Pair, novo disco de Diron Animal que será editado este ano pela belga Rebel Up.
 
Eis “You and Me”:

LaBaq: faça-se luz!
· POR Fernando Gonçalves · 12 Abr 2019 · 10:20 ·
© Laís Catalano Aranha

O caminho que das trevas conduz à luz pode ser longo e árduo mas LaBaq não teve medo de o percorrer. A necessidade de “pensarmos luz, de sermos nós a luz no meio da densidade dos dias que correm”, como explica a compositora brasileira, levou-a ao sucessor do primevo VOA (2016).

Este segundo registo de originais de LaBaq chama-se Lux (3 de Maio via Omnichord), foi misturado e mixado em Leiria por Paulo Mouta Pereira e conta com participações de Ian Chang (Son Lux-USA), Camila Vaccaro (Chile), Bienvenidos a la Computadora (Argentina), Fármacos (Chile), Fran Czek e Phoro (Uruguai). A fonte de Lux estará em digressão por Portugal no próximo mês de Junho e acaba de dar a conhecer “Glow”, tema que se junta ao já conhecido e etéreo "Vento":

Posh Isolation com aniversário em grande
· POR Paulo Cecílio · 10 Abr 2019 · 09:42 ·


A Posh Isolation irá celebrar em Maio o seu 10º aniversário, convidando para a festa não só os fãs como também os nomes que ajudaram a que se firmasse no panorama actual da música mais electrónica e experimental.

De 23 a 25 de Maio, a cidade de Copenhaga irá acolher concertos de Croatian Amor, Damien Dubrovnik, Varg, Puce Mary, Lust For Youth e CTM, entre muitos outros, num evento que também se encontra inserido na Copenhagen Art Week. Caso queiram ir até à Dinamarca comer bolos e fumar uns canhões em Christiania, o evento está aqui.

Frankie Cosmos na ZdB
· POR Paulo Cecílio · 10 Abr 2019 · 09:39 ·


A fofinha Frankie Cosmos estará esta semana por Portugal, para um concerto inserido na sua nova digressão europeia e que servirá para apresentar os temas de Vessel, o seu último álbum, ao vivo.

A norte-americana subirá ao palco da Galeria Zé dos Bois, em Lisboa, no próximo domingo com a primeira parte a cargo de Ian Sweet, que também tem disco novo - Crush Crusher - para mostrar. Os bilhetes estão à venda na Flur, na Tabacaria Martins e na própria ZdB pelo preço de 12€.

Peter Hook novamente entre nós
· POR Paulo Cecílio · 10 Abr 2019 · 09:38 ·


O eterno baixista dos Joy Division e dos New Order está de regresso a Portugal, para uma vez mais apresentar ao vivo as canções que fizeram dele uma estrela rock e que continuam a ressoar por entre tantas e tantas gerações.

Peter Hook passará esta semana por Lisboa (Aula Magna, sexta-feira), Guarda (Teatro Municipal, sábado) e Porto (Casa da Música, domingo) para interpretar, na íntegra, os temas presentes nas compilações Substance, editadas em 1987 e 1988 pelos New Order e Joy Division, respectivamente. A acompanhá-lo estarão os "seus" The Light e isto é basicamente o que nos espera:

Cinema Nun’Álvares transforma-se em clube de jazz
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:36 ·


O antigo Cinema Nun’Álvares, Porto, foi requalificado e vai voltar ao activo como clube de jazz. Encerrado há 13 anos, o antigo cinema localizado na Rua Guerra Junqueiro, junto à Avenida da Boavista, transformar-se-á no Hot Five Jazz&Blues Club – Uptown, um clube de jazz com capacidade para 200 pessoas que estará aberto de quinta a domingo (concertos de quinta a sábado).

A abertura do novo espaço aconteceu no sábado passado com um concerto da banda residente da casa que é composta por Carlos Azevedo (piano), João Paulo Rosado (contrabaixo), Ricardo Formoso (trompete) e Miguel Santiago (bateria). O quarteto foi acompanhado pelo músico luso-canadiano Jeffery Davis, no vibrafone.

Apesar de vir ocupar o lugar deixado vago pelo velho cinema, este novo clube não entregará a memória do espaço ao oblívio. O antigo Cinema Nun’Álvares será evocado através da manutenção do palco original em meia-lua, das cadeiras e de uma exposição onde estará patente a primeira máquina de projecção daquela sala.

Hot Chip tomam um banho de ecstasy
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:31 ·


Há banhos “checos”, “turcos”, “escoceses”, de imersão e, depois, há os banhos à moda dos Hot Chip. Neste último caso, a coisa dá-se com grandes quantidades de ecstasy com A Bath Full Of Ecstasy, sétimo álbum de originais dos britânicos que celebra o som construído pela banda ao longo dos discos anteriores.

Este “banho” que alterna rapidamente a euforia com a melancolia foi produzido pelo maestro francês Philippe Zdar (Cassius e Phoenix) e Rodaidh McDonald (The XX, David Byrne, Sampha, etc.) e estará nos escaparates a 21 de Junho. Como não bela sem senão, eis “Hungry Child”, o single que fica de um banho de ecstasy:

Young Gods, esta semana
· POR Paulo Cecílio · 10 Abr 2019 · 09:29 ·
© Mehdi Benkler

Os Young Gods estão de volta a Portugal, país onde gozam de um estatuto invejável, para apresentar ao vivo os temas presentes em Data Mirage Tangram, o seu oitavo álbum de estúdio e o primeiro desde Everybody Knows, de 2010.

O trio suíço irá subir ao palco do Lisboa Ao Vivo no próximo domingo, seguindo-se o Hard Club, na segunda-feira. As primeiras partes estarão a cargo dos She Pleasures Herself e os bilhetes custam 25€.

The Divine Comedy apresentam novo álbum
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:27 ·


“Tem sintetizadores. E músicas sobre sintetizadores ”. Mas não entre em pânico. Também tem guitarras, orquestras, acordeões e músicas sobre amor e sobre ganância”. Quem o garante é Neil Hannon, compositor e líder dos The Divine Comedy quando incitado a falar sobre o novo disco da banda britânica que dará pelo nome de Office Politics e estreará a 7 de Junho.

No total, o novo álbum dos The Divine Comedy apresenta-se como a continuação de Foreverland de 2016 e compreende 16 canções cheias de música inventiva e intemporal onde saltita um elenco tipicamente irreverente onde as máquinas são as personagens principais. Fiquem com a primeira delas, “Queuejumper”:

Julia Shapiro: “Natural” apresenta álbum de estreia a solo
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:25 ·
© Eleanor Petry

A vocalista e guitarrista dos Chastity Belt, Julia Shapiro, está empenhada numa carreira a solo e o primeiro resultado dessa vontade chega já no dia 14 de Junho sob a forma de Perfect Version, álbum que Julia acaba de dar a conhecer através do single “Natural”.

Nascido, álbum e carreira a solo, de uma crise existencial que se abateu sobre ela no final do ano passado, Perfect Version é um exercício de auto-analise que se converte, ao longo de dez temas, numa catadupa de potenciais respostas à pergunta “como seria a melhor versão de ti próprio?”. A primeira resposta aí está, “Natural”:

Raridade psicodélica nordestina reeditada
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:19 ·


Tido, para a editora Polysom, como “o mais raro LP do Brasil”, o disco duplo Paêbirú de Zé Ramalho e Lula Côrtes acaba de ter honras de reedição. Originalmente gravado em 1974 por Hélio Rozenblit, o duplo LP teve uma tiragem de 1300 exemplares. Destes, 1000 perderam-se irremediavelmente quando uma cheia atingiu a fábrica de discos Rozenblit enquanto os poucos sobrantes em condições aceitáveis de conservação foram rapidamente devorados por coleccionadores. Aclamado pela critica da época e disputado pelo público de hoje, Paêbirú ganha, agora, uma nova vida através da Polysom, editora que se juntou à Rozenblit para fazer a remasterização da obra a partir das tapes originais gravadas por Hélio Rozenblit.

Espécie de “psicodelia nordestina”, o álbum duplo está dividido em quatro lados, em acordo com os elementos “Terra”, “Ar”, “Fogo” e “Água”, e foi inspirado por uma viagem que Zé Ramalho e Lula Côrtes empreenderam até Pedra do Ingá, sítio arqueológico rodeado de lendas e fama mística situado no interior do estado do Paraíba. Com os mais diversos instrumentos utilizados e improvisados durante a produção do trabalho, destaca-se a participação de nomes como Alceu Valença, que toca pente, e de Zé da Flauta, entre outros ícones da música brasileira. Fiquem com Paêbirú:

Voz e viola de Cícero vão ecoar por Portugal
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:17 ·


O carioca Cícero regressa a Portugal para espectáculos intimistas em formato voz e viola que terão como foco principal o seu último álbum de originais Cícero & Albatroz (2017).

A digressão está marcada para os meses de Junho e Julho e vai passar, para já, por Lisboa, Leiria, São João da Madeira, Caldas das Taipas e Bragança. Fiquem com o tema “A Cidade”, tema extraído a Cícero & Albatroz/i> que aqui deixamos na sua versão de estúdio:

Digressão Cícero por Portugal:


15 de Junho – Texas Bar, Leiria – bilhetes aqui
3 Julho - Auditório Carlos Paredes, Lisboa – bilhetes aqui
4 de Julho – Casa da Criatividade, São João da Madeira – bilhetes aqui
5 de Julho – Banhos Velhos, Caldas das Taipas
6 de Julho - Museu do Abade de Baçal, Bragança
Pixies: digressão mundial com paragem em Lisboa
· POR Fernando Gonçalves · 10 Abr 2019 · 09:16 ·


O concerto terá lugar a 25 de Outubro no Campo Pequeno e servirá, tal como a digressão onde está inserido, de apresentação ao oitavo álbum de estúdio, ainda sem nome oficial, dos Pixies que será lançado em Setembro. Para além da passagem por Lisboa, esta digressão mundial que marca o regresso da banda à estrada após dois anos de pausa irá passar, na Europa, por 33 cidades de 16 diferentes países. Voltando ao concerto de Lisboa, os Pixies prometem passar pelo seu repertório mais antigo, e tocar alguns dos temas mais emblemáticos da sua carreira num espectáculo em que a banda afirma não se querer guiar por uma set list, mas improvisar consoante o ambiente da sala e do público.

O preço dos bilhetes varia entre os 35 e os 45 euros e a sua venda está limitada a quatro por pessoa. Como ainda não há nome ou single (a 27 de Junho os Pixies iniciam uma série de 12 podcasts em que antecipam o novo disco) para o sucessor de Head Carrier (2016), fiquem com o intemporal “Where Is My Mind”:



Preview da série de 12 podcasts de apresentação do novo álbum:

Preparem-se para tremer
· POR Paulo Cecílio · 08 Abr 2019 · 23:00 ·


Arranca esta terça-feira nova edição do festival Tremor, que leva até aos Açores alguma da melhor música que se tem feito no continente europeu - e não só -, possibilitando o encontro ou reencontro dos melómanos com as belas paisagens naturais do arquipélago.

Ao todo, passarão pelo festival mais de 50 artistas, entre concertos, residências e cruzamentos vários, destacando-se nomes como Jacco Gardner (na foto, que irá apresentar os temas de Somnium, o seu último álbum, editado em 2018), Colin Stetson, Moon Duo, Grails, Haley Heynderickx, Lula Pena, Sunflowers ou ZA!, entre muitos outros. O festival divide-se entre as ilhas de São Miguel e Santa Maria (que acolherá dois concertos especiais), e os passes gerais já se encontram esgotados. Saibam outras informações aqui e fiquem com a playlist de antecipação:

Música progressiva em Linda-a-Velha
· POR Paulo Cecílio · 08 Abr 2019 · 17:18 ·


O Prog at LaV é um festival dedicado à música de cariz progressivo, e dedica-se não só a escutar como também a pensar este tipo de música. A segunda edição do Prog at LaV irá contar não só com concertos como também com debates, um espectáculo de stand-up e, ainda, a projecção de gravações inéditas dos primórdios da Portugal Progressivo-Associação Cultural.

As bandas confirmadas são os Grand Sun, Peixe Frito e Beduínos A Gasóleo e tudo isto acontece no próximo dia 13 de Abril, no Auditório Municipal Lourdes Norberto, em Linda-a-Velha. Mais informações aqui.

Los Hermanos estão de regresso
· POR Fernando Gonçalves · 05 Abr 2019 · 16:10 ·
© Caroline Bittencourt

A banda formada por Rodrigo Amarante, Marcelo Camelo, Rodrigo Barba e Bruno Medina acaba de pôr fim a catorze anos de silêncio criativo com o lançamento de “Corre Corre”, primeira música inédita do quarteto desde a edição de 4 em 2005.

Para além de reunião em estúdio, 2019 marcará, também, o regresso dos Los Hermanos aos palcos, para já apenas no Brasil, que levará ao público não apenas hits da carreira, mas também canções inéditas e da Banda do Mar. Eis “Corre Corre”:

Ajudem os The Racounters
· POR Fernando Gonçalves · 05 Abr 2019 · 16:08 ·


Jack White, Brendan Benson, Jack Lawrence e Patrick Keeler voltaram a juntar-se, mais de uma década passada sobre o lançamento Consoler Of The Lonely (2008), e dá combinação dos seus esforços se faz anunciar o novo Help us Stranger cuja edição está marcada para dia 21 de Junho.

Passível de ser interpretado como um simples pedido a todos os que gostam de The Racounters para que oiçam/comprem o disco; como uma metafórica alusão à mias estreita união da banda; ou como pedido de ajuda ao povo americano (Help US Stranger), o que é certo é que dentro de Help us Stranger se pode encontrar um pouco de soul de Nashville, blues, psicadelismo vigoroso, funk de Detroit e um rock que “grita a plenos pulmões” não estar morto. Fiquem com os dois primeiros singles deste Help us Stranger: “Sunday Driver” e “Now That You’re Gone”.



Jorge Drexler ao vivo e a cores em Portugal
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 16:32 ·


O autor de “Al outro lado del rio” (Diários de Motocicleta, 2004), primeira canção escrita em espanhola a ganhar um Oscar chega a Portugal no próximo Outono para apresentar o seu novo espectáculo “Silente” em Lisboa e Porto. O primeiro concerto desta mini-digressão lusa acontecerá a dia 29 de Novembro no Teatro Municipal São Luiz, em Lisboa, enquanto o segundo está marcado para dia 1 de Dezembro na Casa da Música (Sala Suggia) da Invicta.

Em relação a bilhetes, o preçário diz-nos que, para o espectáculo de Lisboa, os preços variam entre os 17 e os 30 euros enquanto, para o do Porto, o custo anda entre os 20 e os 25 euros. Fiquem com a galardoada “Al outro lado del rio”:

Impulso 2019: cartaz fechado
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 16:30 ·


Com as confirmações de Linda Martini, Conan Osíris, DJ Marfox, a lake by the moon, Ângela Policia, DAKOI., MOONJUICE e Nádia Schilling o cartaz da segunda edição do caldense Impulso fica selado. A estes oito nomes, o festival que tomará conta das Caldas da Rainha (três palcos) entre os dias 23 e 25 de Maio juntam-se os já, entre outros, previamente anunciados Allen Halloween, Bruno Pernadas, First Breath After Coma, Sensible Soccers e Riding Pânico.

Para além dos concertos, mais de 40, a 2ª edição do Impulso aposta numa programação multifacetada onde não faltam exposições, ciclos de cinema (parceria com o DocLisboa), conferências em torno do universo das artes e do espectáculo e três residências artísticas que contarão com a participação de Fred Ferreira, Igor Jesus, João Piementa Gomes, Pedro Geraldes, Surma, Tomara, Tiago Bettencourt, Filho da Mãe, Miguel Nicolau, EGBO e LAmA.

Antes desta parafernália de músicos e música acometer as Caldas da Rainha, a organização do Impulso preparou para o dia 13 de Abril um warm up, a que muito a propósito chamou “Warmup Impulso”, na Stereogun em Leiria com actuações de Memória de Peixe, Hangloser, Rakuun e STRAYCAT vs STRANGE (Dj set).

O preço dos bilhetes para este festival nascido de uma organização colaborativa entre alunos e professores da Escola Superior de Artes e Design de Caldas da Rainha (Instituto Politécnico de Leiria) com co-produção da Licenciatura em Som e Imagem e a Associação da Juventude da cidade (ADJ.CR) varia entre os 15 euros (diário) e os 40 euros (passe geral). Cartaz completo e demais informações aqui.

Freddie Gibbs & Madlib fecham cartaz do Vodafone Paredes de Coura
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 16:27 ·


Com o projecto colaborativo Freddie Gibbs & Madlib, o cartaz da 27ª edição do Vodafone Paredes de Coura fica, oficialmente, fechado. A dupla composta pelo rapper Freddie Gibbs e o produtor Madlib chega a Coura no dia 17 de Agosto com o seu segundo álbum de originais, Bandana (Abril) do qual já se conhecem os singles ”Flat Tummy Tea” e “Bandana”.

Para além de Gibbs e Madlib, o cartaz do festival que, este ano, se realiza entre os dias 14 e 17 de Agosto na Praia Fluvial do Taboão contará com nomes como The National, Father John Misty, New Order, Patti Smith, Jonathan Wilson ou Suede. O preço dos bilhetes varia entre os 55 euros (bilhete diário) e os 94 euros (passe geral).

Georgia ataca o dancefloor
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 16:26 ·


Saída, recentemente, de um longo silêncio de três anos com os singles “Mellow” e “Started Out” (2018), a produtora londrina Georgia parece estar com a pica toda. Como não há duas sem três, acaba de saltar para a pista com “About Work The Dancefloor”, tema que nasce da necessidade de Georgia registar sonoramente a energia e emotividade que sente ao pisar o dancefloor.

Ora doce, ora amarga, “About Work The Dancefloor” apresenta-se, em termos de género, tão complexa como os cenários traçados pela luz strobe que atordoa a pista e soa assim:

Sease regressam com Vow
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 16:24 ·
© Marta Antunes

Dois anos depois de nos terem presenteado com o belíssimo The Way the Waves Hit the Beach, o duo de Oeiras está de regresso à criação com o single “Vow”, tema em que os Sease reinventam a sua sonoridade com a adição de elementos da música de dança ao seu indie-pop introspectivo.

Eis “Vow”, ou a expressão de movimento e libertação segundo os Sease:

MUPA fecha cartaz
· POR Paulo Cecílio · 04 Abr 2019 · 16:22 ·


O festival MUPA anunciou os últimos nomes para o seu cartaz. Necro Deathmort, Nazar, Simply Rockers Sound System, 10 000 Russos, Putas Bêbadas, unitedstatesof e Paulo Colaço & Mocinhos Em Cante foram os escolhidos.

O MUPA, recorde-se, é um novo festival que terá lugar no Centro Histórico de Beja, a 10 e 11 de Maio, estando os bilhetes à venda por 10€ até ao dia 15 de Abril - incluindo campismo gratuito. Mais aqui.

O Yuki Conjugate Conjugate com data dupla
· POR Paulo Cecílio · 04 Abr 2019 · 16:20 ·
© Andrew Hulme

Os britânicos O Yuki Conjugate, nome histórico da cena pós-punk britânica e pioneiros nessa coisa chamada ambient, passarão por Portugal esta semana.

A dupla formada por Roger Horberry e Andrew Hulme irá passar pelo Understage, no Teatro Rivoli (Porto), já esta sexta-feira (5€), seguindo-se a Igreja dos Ingleses (Lisboa) no sábado (8€), com primeira parte de André Gonçalves. Consigo virão os temas de Tropic, de 2017. Piquem aqui:

Aleste está de regresso
· POR Paulo Cecílio · 04 Abr 2019 · 16:18 ·


O festival Aleste, que se realiza anualmente na Madeira, irá alargar-se este ano. Ao todo, podem esperar-se três dias de sol e música, começando desde logo com os Conjunto Corona, que irão dar um concerto gratuito no Largo do Socorro. Seguir-se-ão Selma Uamusse, Lena D'Água + Primeira Dama & Banda Xita, ZA!, Norberto Lobo, Bateu Matou, Maria e Black, no Complexo Balnear da Barreirinha (20€).

E, finalmente, sessão dupla no Castanheiro Boutique Hotel com La Flama Blanca e Kelman Duran. O Aleste realiza-se de 24 a 26 de Maio e podem saber mais aqui.

Red Fang em Portugal
· POR Paulo Cecílio · 04 Abr 2019 · 14:07 ·


Os Red Fang estão de volta a Portugal. A banda norte-americana irá actuar no Lisboa Ao Vivo a 30 de Junho. Sem lançar um álbum desde 2016 (o ano de Only Ghosts), imagina-se que o quarteto do Oregon virá em regime best of - a não ser que haja alguma surpresa.

Os bilhetes estão à venda em todos os locais habituais ao preço de 20€, 25€ no próprio dia.

Phosphorescent em Portugal
· POR Paulo Cecílio · 04 Abr 2019 · 11:47 ·


Rejubilem: Phosphorescent dará um concerto em Portugal. Rejubilem menos: será na mesma altura do Primavera.

O projecto de Matthew Houck passa pelo Lisboa Ao Vivo no dia 6 de Junho, num concerto que servirá para apresentar os temas de C'est La Vie, o seu último álbum, editado o ano passado. Os bilhetes já se encontram à venda e têm o preço único de 25€.

Tremor 2019: alinhamento completo
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 11:44 ·


Foi vocês que pediu um Tremor em todo o seu esplendor? Em caso negativo isto não é para si. Se a resposta foi afirmativa eis a programação completa da quinta edição do festival açoriano que se realiza na ilha de São Miguel entre os dias 9 e 13 de Abril.

Caso esteja a pensar comprar um passe geral e não seja freguês de tortas travessas, o melhor é deixar de pensar porque este modelo encontra-se esgotado. Se entrou em depressão neste momento, nós aliviamos-lhe um pouco a dor com um "Spindrift" fresquinho servido por um dos convidados do Tremor 2019, Colin Stetson:

Semibreve 2019: primeiras confirmações
· POR Fernando Gonçalves · 04 Abr 2019 · 11:42 ·


Alessandro Cortini, Avalon Emerson, Deaf Center, Ipek Gorgun, Nik Void, Rian Treanor e Scanner + Miguel C. Tavares são as primeiras confirmações para a edição de 2019 do Semibreve, festival que volta a tomar conta da cidade de Braga entre os próximos dias 25 e 27 de Outubro.

Entre a estreia do mestre da síntese Alessandro Cortini, a exuberância rave de Avalon Emerson, o novo disco dos “raros” Deaf Center, a electroacústica da turca Ipek Gorgun, a dança exploratória de Nik Void, a computer music/arte experimental de Rian Treanor e o projecto que junta a música de Scanner extraída do sintetizador modular 100% nacional ADDAC ao vídeo em tempo real de Miguel C. Tavares, o Semibreve 2019 aposta forte no, agora, revisto e aumentado EDIGMA Semibreve Award. O prémio que pretende premiar (2500 euros) e estimular a criação artística no domínio da intersecção entre arte e tecnologia expande-se, este ano, á comunidade de estudantes de ensino superior com o EDIGMA Semibreve Scholar.

As apresentações e concertos do Semibreve 2019 terão lugar na Casa Rolão, Theatro Circo e gnration. Quanto a bilhetes, os passes gerais para a edição de 2019 encontram-se à venda por 39 euros. Fiquem com Low Distance, novo álbum do duo norueguês Deaf Center editado no dia 22 de Março:

Silhuetas, sinais
· POR Paulo Cecílio · 02 Abr 2019 · 18:17 ·


Os Signs Of The Silhouette são um projecto «de música experimental, que alia o som à imagem filmada», formado por João Paulo, Jorge Nuno, André Calvário e Miguel Cravo e que tem um novo álbum, Wigwam, editado no passado dia 1 de Março.

Com influências que vão de John Cage a Earthless, passando por Miles Davis, Can ou Acid Mothers Temple, os Sings Of The Silhouette irão apresentar este novo álbum no Sabotage, no dia 12 de Abril, numa noite que contará também com os Astronauta Desaparecido. Os bilhetes custam 6€.

A estreia de Kara Konchar
· POR Paulo Cecílio · 02 Abr 2019 · 18:15 ·


Kara Konchar é o novo nome artístico adoptado por Miguel Béco de Almeida, que começámos por conhecer enquanto ATILA. O mote, é-nos explicado, é o de explorar "sonoridades físicas e macabras, com influências enraizadas na cena rave, que vão do UK Bass à EBM".

Há um disco a caminho, intitulado Dungeon Rave (que será editado a 5 de Abril através da Capital Decay), e um primeiro single para ouvir, "Vicious Mockery". Piquem em baixo e estejam atentos.

Mais nomes para o Terraforma
· POR Paulo Cecílio · 02 Abr 2019 · 18:13 ·


O festival Terraforma, que se realiza em Villa Arconati (Milão, Itália) de 5 a 7 de Julho, divulgou mais uma fornada de nomes para o seu cartaz. Juliana Huxtable, RP Boo (na foto), Kelman Duran, Buttechno, Donato Dozzy e Stargate constituem alguns dos pontos de interesse de um evento que já contava com Laurie Anderson ou DJ Stingray.

O Terraforma, dedicado à experimentação artística e à sustentabilidade ambiental, já tem os bilhetes à venda: custam entre 20€ e 125€. Mais informações aqui.

Kangding Ray com nova editora
· POR Paulo Cecílio · 02 Abr 2019 · 18:11 ·


O francês David Letellier, mais conhecido como Kangding Ray, anunciou recentemente a criação de uma nova editora. Intitulada ara, a label apresenta-se como uma plataforma para artistas "com identidades sónicas únicas, que procura induzir emoções profundas através do som".

E há, também, a promessa de que o seu foco não estará, apenas, na música electrónica de dança. O primeiro lançamento da ara terá lugar no dia 17 de maio e virá do próprio músico: um novo EP com o título Predawn Qualia. Ouçam aqui o tema-título.

Ellen Allien anuncia novo álbum
· POR Paulo Cecílio · 02 Abr 2019 · 18:10 ·


Vem aí mais um álbum de Ellen Allien. O sucessor de Nost (2017) terá como título Alientronic e será editado a 17 de Maio, através da BPitch.

O disco foi gravado em Berlim no final de 2018 e promete, segundo a press release, «trazer de volta uma sonoridade antiga com uma visão do futuro, através da experiência de Ellen Allien enquanto DJ e produtora». O primeiro single, "Stimulation", já se encontra disponível para escuta.

Sonic Blast 2019 anuncia sete novos nomes
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:54 ·


Graveyard, Eyehategod, Earthless, The Deviland And The Almighty Blues, High Fighter, Cardiel e Jesus The Snake acabam de ser confirmados pela organização do Sonic Blast Moledo para a 9ª edição do festival que se realizará entre os dias 8 e 10 de Agosto (mais um dia em relação a edições anteriores) na bela vila de Moledo do Minho, Caminha.

Para além dos sete nomes hoje anunciados, o Sonic Blast 2019 tem já assegurada a presença de OM, Orange Goblin, Windhand, My Sleeping Karma, Monolord, Lucifer, The Obsessed, Dopethrone, Toundra, Satan’s Satyrs, Sacri Monti, Harsh Toke, Petyr, Zig Zags, Kaleidobolt, Maidavale, Minami Deutsch e Maggot Heart. Depois de uns early birds rapidamente esgotados, os bilhetes no formato passe geral encontram-se à venda por 65 euros até ao dia 30 de Abril. De 1 de Maio até 30 de Junho o preço passará para 70 euros e, de 1 de Julho em diante, o preço do passe geral fixar-se-á em 75 euros. O preço dos bilhetes diários será anunciado brevemente.

Electro-psicadelismo congolês arriba a Paredes de Coura
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:44 ·


Nasceram no bairro de Ngwaka em Kinshasa, República Democrática do Congo, quando Makara Bianko decidiu fugir a todo o estereótipo de movimentos artísticos, envolvendo no plano um grupo de músicos do bairro, e lutar por um mundo mais livre, cru e criativamente sem fronteiras. Esta guerrilha artística são os Kokoko! E vão estar em Paredes de Coura no próximo dia 14 de Agosto para apresentarem o seu manifesto electro-psicadélico marcado por repetidos padrões criados por instrumentos de cordas e outros objectos de percussão desenvolvidos a partir de material reciclado.

Os congoleses Kokoko! São o quinto nome a ser confirmado esta semana para a 27ª edição do Vodafone Paredes de Coura depois dos anúncios de Time For T, Sensible Soccers, Capitão Fausto e Bed Legs. O festival minhoto realiza-se entre os dias 14 e 17 de Agosto na Praia Fluvial do Taboão em Paredes de Coura e os passes gerais custam a módica quantia de 94 euros. Fiquem com o tema “Azo Toke”, um dos singles retirados a Liboso (2018), álbum de estreia dos Kokoko!:

Lour navega num mar de saudade
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:41 ·


Com 17 anos e todo um mundo de oportunidades à sua espera, Lour foi ao baú da saudade desencantar o fio condutor do single “Remember Me”, tema com que o músico lisboeta apresenta o seu EP de estreia que será lançado no final deste ano.

Depois da presença na colectânea anual “Novos Talentos FNAC” com o indie-pop de “Honey”, Lour imprime a “Remember Me” (produção de Ricardo Nagy dos Vaarwell) uma nova sonoridade plasmada na mistura do “seu” lado mais folk/songwriter com uma, mais acentuada, vertente electro-pop. Eis o “mar de saudade”, um entre muitos significados que o tema contém, de “Remember Me”:

Sigur Rós celebram 20 anos de Ágætis byrjun com edição especial
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:30 ·


Se os primeiros LP (Von e Von brigði) lhes trouxeram alguma visibilidade e, diga-se, “desapontamento” (“Von brigði” significa algo como “desilusão”), a verdade é que depois da terceira tentativa nada mais foi como dantes para os islandeses Sigur Rós. Com Ágætis byrjun tornaram-se um fenómeno global, um alvo de desejo, uma necessidade que se tornava cada vez mais premente a cada audição.

A 12 de Junho deste ano, Ágætis byrjun celebra 20 anos de existência e, apesar da premência se ter desvanecido com o tempo, os Sigur Rós não vão deixar passar a data em claro. Para a comemoração do vigésimo aniversário do lendário álbum, a banda vai lançar, a 21 de Junho, Ágætis byrjun - A Good Beginning, uma boxset de sete LP onde se incluem 3 LP de raridades e demos, 2 LP do concerto de apresentação do disco no Íslenska Óperan (Icelandic Opera House) no dia 12 de Junho de 1999 e um livro de 84 páginas sobre a obra que lhes abriu as portas de uma carreira internacional. Relembrem Ágætis byrjun:

5º Guitarras Ao Alto fica a cargo de Bruno Pernadas e Mário Delgado
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:27 ·


Guitarras Ao Alto! As nossas guitarras estão no Alentejo onde, entre 24 de Maio e 1 de Junho serão tocadas pelas benfazejas mãos de Bruno Pernadas e Mário Delgado naquela que será a 5ª edição do Guitarras Ao Alto, festival que convida, todos os anos, uma dupla de guitarristas nacionais a criarem nova música que, posteriormente, será apresentada em exclusivo em palcos que pretendem valorizar o património alentejano.

A itinerância do Guitarras Ao Alto deste ano inicia-se 24 de Maio na Pousada Flor da Rosa no Crato e tremina no dia 1 de Junho no Trainspot de Beirã/Marvão. Os bilhetes têm o custo unitário de 5 euros e podem ser adquiridos à porta ou através de reserves no site oficial.



Itinerância Guitarras Ao Alto 2019 com Bruno Pernadas e Mário Delgado:
24 de Maio, 21h30 – Crato, Pousada Flor da Rosa
25 de Maio, 21h30 - Estremoz, Convento das Maltezas/Centro Ciência Viva
31 de Maio, 21h30 – Avis, Casa das Artes
1 de Junho, 21h30 - Beirã/Marvão , Trainspot
Primal Scream juntam-se ao NOS Alive 2019
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:25 ·


Os escoceses são a mais recente confirmação do NOS Alive 2019. Com mais de 30 anos de carreira, os Primal Scream chegam ao Passeio Marítimo de Algés com o novo álbum Maximum Rock N Roll: The Singles, colectânea que reúne os singles da banda desde 1986 até 2016. O concerto está marcado para o dia 12 de Julho, data em que também sobem o palco os já anunciados Vampire Weekend, Gossip e Izal.

O NOS Alive 2019 realiza-se entre os dias 11 e 13 de Julho no Passeio Marítimo de Algés e o preço dos bilhetes varia entre os 60,98 euros (diário) e os 139,77 euros (passe três dias).

MUMA 2019: novas confirmações
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 17:01 ·


O ecléctico festival que se desenrola na faialense cidade da Horta entre os próximos dias 8 e 11 de Maio acaba de ganhar novos nomes.

Aos já anunciados Murmurinho - que junta a Filarmónica Nova Artista Flamenguense e o Grupo Coral da Horta com o baterista Ricardo Martins sob a batuta do compositor vimaranense Rui Souza -, e à colaboração de Joana Barra Vaz com a Orquestra Rítmica do Corpo, a organização do MUMA 2019 acaba de juntar o hip-hop de Allen Halloween, o semba de Chalo Correia, o jazz de Branco/Hasselberg/Sousa e a electrónica maximal de Dada Garbek que, no Teatro Faialense, irá apresentar-se em palco com Ricardo Martins.

Drugdealer dispensa mel com o auxílio de Weyes Blood
· POR Fernando Gonçalves · 02 Abr 2019 · 15:38 ·


O Drugdealer Michael Collins juntou-se a Weyes Blood (Natalie Mering) para dispensarem “Honey”. Construída como uma balada “para os tempos modernos”, “Honey” resulta de uma reflexão do duo sobre a ansiedade e a criatividade num mundo ultra-comercial e é o segundo tema a sair de Raw Honey, novo tomo de alma pop de Drugdealer cuja estreia está marcada para dia 19 de Abril via Mexican Summer.

Num mundo de ansiedade, eis a apaziguadora voz de Weyes Blood no novo “Honey” de Drugdealer:

ARQUIVO

Parceiros