Maio 2010
Pop Dell'Arte com novo disco e novo single
· POR André Gomes · 31 Mai 2010 · 21:23 ·


"Ritual Transdisco" é o primeiro single e o tema de abertura de Contra Mundum, o novo álbum de originais dos Pop Dell'Arte que, diz-se, segue a mesma linha musical da banda, cruzando as influências artísticas mais diversas num resultado único e original. Diz-se também que Ritual Transdisco foi construído a partir de um poema fonético de João Peste - em continuidade com outros poemas seus, também de inspiração dada e futurista, como "Querelle", "Rio Line" ou "Turin Welisa Strada".

Este single encontra-se disponível para download gratuito no blogue e myspace da banda. A edição de Contra Mundum, com data marcada para o dia 14 de Junho, é a celebração de 25 anos da carreira dos Pop Dell'Arte, um dos maiores nomes da música portuguesa.
Sic Alps oferecem borla de sonho no Lounge
· POR Miguel Arsénio · 28 Mai 2010 · 19:34 ·

Foi por pouco que não se cruzaram em Lisboa duas das bandas de São Francisco que mais importam actualmente num cenário rock algo amolecido por muitas gravatas. Ontem os Oh Sees deram sova na ZDB (lá iremos entretanto) e amanhã (dia 29 de Maio) será a vez dos Sic Alps mostrarem de que madeira se faz este rock de barraco, no Lounge, em Lisboa, a partir das 22:30. Desta vez os Sic Alps virão acompanhados por um terceiro membro: Noel Harmonson, dos Comets on Fire. O mais incrível nisto tudo é a entrada ser totalmente gratuita (uma cortesia Filho Único para a cidade que tantas vezes mete a mexer).

A proximidade entre as duas bandas estupidamente regulares já vem de longe e pode ser escutada nas participações vocais de Mike Donovan no fabuloso duplo 3&4, de OCS, (quando os Oh Sees ainda eram um duo), assim como no fuzz e percussão que empresta ao recente álbum de expansão Warm Slime, dos mesmos Oh Sees. Nos palcos americanos já houve até a oportunidade de se juntarem aos Intelligence numa grande jam de amigos. Maravilha. Os Sic Alps chegaram finalmente à Drag City, uma casa que bem merecem, depois de uma série impressionante de discos em que a essência é o que basta para que as canções fiquem sempre à tona de um mar de eco e referências temporais saudavelmente dispersas. Escrever Sic Alps no motor do canto superior aqui da casa leva a uma entrevista com a banda, uma resenha sobre U.S. Ez e relatos vários acerca das anteriores passagens dos Alps pela tuga.
Rita Redshoes regressa com Lights & Darks
· POR André Gomes · 26 Mai 2010 · 20:50 ·


A nossa querida indie Rita Redshoes está de volta com um novo disco intitulado Lights & Darks, com data de lançamento para o dia 14 de Junho de 2010. A voz que provocou um pequenino abalo no mundo radiofónico nacional em 2008 com o galardoado disco de estreia Golden Era, regressa agora com o seu segundo disco de originais, um Lights & Darks composto na íntegra por Rita Redshoes.

De acordo com a própria, Lights & Darks foi inspirado em sítios por onde passou nos últimos 10 meses e em livros que foi lendo ao longo deste mesmo período. Parte dessas inspirações foram retiradas das mais variadas áreas: na pintura, de ambientes e texturas do Renascimento; na literatura, de escritores como D. H. Lawrence, Albert Camus ou Florbela Espanca; e na música, de alguns compositores como Les Baxter, Henry Mancini ou Arthur Lyman.

Lights & Darks contou com a produção de Nelson Carvalho, também produtor de Golden Era e de Rita Redshoes, sendo composto por 14 temas. O tema de abertura do album é “Captain Of My Soul” – o primeiro single retirado de Lights & Darks e já a rodar nas rádios nacionais.

O disco conta com uma extensa lista de convidados como Dana Colley, o saxofonista dos Morphine, no tema “One Cold Day”; Pedro Gonçalves (Dead Combo) no contrabaixo em quatro temas do álbum; as guitarras de Paulo Furtado (The Legendary Tigerman) e Ricardo Fiel (ex-Phase, David Fonseca) em “One Cold Day”; Paulo Borges, músico da banda de Rita, no piano em “It’s A Honeymoon” e “Marching In This Life”; e ainda José Pino, guitarrista que iniciou a sua carreira nos anos 60, membro dos grupos Conjunto Mistério (considerados os Shadows portugueses) e The Blue Jeans Band, em “It’s A Honeymoon”.

Para este disco Rita Redshoes convidou ainda alguns criativos das mais variadas áreas da imagem para a elaboração de curtas-metragens em torno dos temas deste disco. O resultado é o DVD que integra a edição especial Thirteen Films About Lights & Darks e que conta com criações de Bruno Pereira, Unit Collective, José Manuel Abrantes, João Pedro Moreira, David Fonseca, Paulo Furtado, Filipe Cunha Monteiro, Joana Faria/Quioto, Pedro Maia, The Question Mark, Augusto Brázio, André Cepeda e também da própria Rita Redshoes.
Montefiori Cocktail animam 8½ - Festa do Cinema Italiano
· POR Nuno Catarino · 25 Mai 2010 · 13:15 ·


O 8½, festival do cinema italiano que vai na 3ª edição, apresenta hoje, 25 de Maio, no cabaret Maxime um concerto da banda Montefiori Cocktail. Os músicos Federico e Francesco Montefiori formam um projecto fusionista que combina estilos como bossanova, techno, salsa e tango, numa perspectiva deliciosamente kitsch. O delírio sonoro destes italianos já passou pela reinvenção de temas como "Crazy" dos Gnarls Barkley ou "Hang Up" de Madonna, mas também não ficaria desenquadrado na banda sonora de um porno europeu dos anos 70. Além deste concerto, o festival 8½ espalha-se por quatro cidades portuguesas e apresenta uma visão actual sobre o cinema italiano: em Lisboa estará até 29 de Maio; de 31 de Maio a 2 de Junho acontece em Abrantes; de 26 a 6 de Junho vai a Coimbra; e de 18 a 20 de Junho é a vez do Porto acolher o cinema italiano.
Silêncio... que este Festival é dedicado à palavra
· POR R · 24 Mai 2010 · 18:25 ·


Sobre o lema "Lisboa Capital da Palavra", o segundo Festival do Silêncio vai compondo lentamente o seu cardápio. Muito para lá do simples festival de música, este é um evento que procura essencialmente, segundo os organizadores do evento, dedicar-se "às novas tendências artísticas e expressões urbanas" recuperando no processo a tradição da palavra. Para isso estão agendados entre 16 e 26 de Junho, o tempo em que decorrerá o festival, uma série de conferências, debates, workshops, lançamentos, leituras encenadas, poesia sonora, mostras de video poetry e até um concurso de poetry slam (os interessados poderão consultar info "aqui"). Em todos os eventos deste festival o objectivo será por à prova o poder do verbo.

A nível de atracções sonantes, além de Saul Williams, nome que já tinha sido confirmado no passado, passam também a fazer parte da lista de convidados de honra os nomes de Sebastian 23 (com actuação no dia 18), Ghostpoet (no dia 24) e a diva do spoken word a grande senhora Ursula Rucker (no dia 17). Todos estes nomes subirão ao palco do Muisc Box (no Cais de Sodré, em Lisboa) nas datas indicadas.

Como já andamos com algumas saudades de Ursula Rucker, eis uma pequena amostra da sua arte no uso da palavra:

18º Festival de Curtas de Vila do Conde dá muita música
· POR André Gomes · 24 Mai 2010 · 09:45 ·
A 18º edição do Festival de Curtas de Vila do Conde, como sempre, preparou um cabaz recheado de interessantes filmes-concerto. A decorrer entre 3 e 11 de Julho, o festival apresenta, na secção “Remixed” (1), e em estreia absoluta o projecto Amália Remix, um espectáculo multimédia do colectivo português Dead Combo (de Tó Trips e Pedro Gonçalves) e do cineasta Bruno de Almeida (que assume a guitarra, manipulação de gira-discos e filme). Para quem já tem saudades de ver alguém tratar com decência o legado de Amália, o filme-concerto decorre a 10 de Julho, Sábado, 00:30, no Teatro Municipal de Vila do Conde.

Para além deste espectáculo multimédia, o 18º Curtas Vila do Conde apresenta mais três propostas na área musical. A 8 de Julho, Quinta, 00:30, decorre o filme-concerto dos portugueses Orelha Negra, numa encomenda do 18º Curtas Vila do Conde para a série de filmes antigos turísticos em super 8 Soundtracks For The City, compilados pelo realizador experimental inglês Ian Helliwelll a partir de gravações encontradas em mercados de rua e lojas de artigos em segunda mão.

A 9 de Junho, Sexta, 00:30, acontece a performance audiovisual com o Drumming - Grupo de Percussão, que interpretará ao vivo uma banda sonora para o documentário de animação em formato filme-concerto L’Encyclopédie: La vie des bêtes de François Sarhan.

A finalizar os destaques da programação musical do 18º Curtas Vila do Conde e inserido na secção infanto-juvenil do Festival, “Curtinhas” (2), decorre a 3 de Julho, Sábado, às 17h00, o filme-concerto realizado por alunos da Academia de Música S. Pio X, de Vila do Conde. Tudo para ouvir a banda sonora original concebida para os filmes The Electric House e One Week de Buster Keaton. Todos os filmes-concerto e sessões de cinema decorrem no Teatro Municipal de Vila do Conde.
High Places são Plano A para hoje no Plano B no Porto
· POR André Gomes · 21 Mai 2010 · 15:18 ·
Depois do concerto de ontem na ZDB, os High Places preparam-se para espalhar pózinhos pop electrónicos no Plano B, no Porto, hoje, a partir das 23:00. Do último disco da dupla percebemos que mudou alguma coisa; parece tudo menos intimista, mais saído da casca, mais expansivo. O que talvez se venha a mostrar perfeitamente adequado a um espaço como o Plano B. High Places vs Mankind promete ser o prato quente para hoje, numa noite que conta também com os portugueses :papercutz. Os bilhetes custam 10 euros (12 para quem chegar lá sem reserva) e devem dar direito a isto:

Nós obcecados com os LCD Soundsystem?!? Nahh! Mas já agora "mamem" lá com o novo vídeo.
· POR Rafael Santos · 21 Mai 2010 · 14:22 ·
Há uns dias atrás deixamos aqui para escuta a reinterpretação dos Holy Ghost de "Drunk Girls" dos LCD Soundsystem. Esta mesma semana desfraldamos orgulhosamente a nossa opinião sobre o novo, e aparentemente, último álbum dos LCD Sounsystem, um tal de This Is Happening (não sei se já ouviram falar ou não). E, talvez parecendo-vos que andamos um pouco obcecados pelos LCD Soundsystem (que não andamos), hoje deixamos para apreciação colectiva o novo vídeo dos LCD Soundsystem. Novo e com a sua graça. Como todos nós temos alguma coisa de "putos" dentro de nós, achámos piada à coisa simplesmente porque andam uns cães gigantes (ou coelhos ou lá o que é) a judiar o sempre fofo James Murphy (os amiguinhos que o acompanham "comem" por tabela). Como "praxadelas" é connosco, siga então, e sem demoras, "Drunk Girls" dos, evidentemente, LCD Soundsystem. E meninas, já agora, se beberem não conduzam!

Chegou o calor e com ele uma nova canção dos !!!
· POR André Gomes · 21 Mai 2010 · 12:30 ·


A vossa vida andava mesmo a precisar disto, não andava? Uma canção nova dos !!! para acelerar um tudo ou nada a vossa vida sexual e dar-vos aquela permissão deliciosa para soltar a franga. Os !!! têm novo disco e a Pitchforkmedia desvenda uma canção do sucessor de Myth Takes, intitulado Strange Weather, Isn't It?. A canção chama-se AM/FM" e pode ser ouvida aqui. A Pitchfork diz que o disco foi gravado em parte em Berlim, e foi influenciado pelo Brian Eno. Diz ainda que a banda sofreu algumas alterações: John Pugh, Justin Vandervolgen e Tyler Pope, o vocalista Shannon Funchess (dos Light Asylum) e o baterista Paul Quattrone (dos Modey Lemon) entraram para os concertos. Já mal nos aguentamos das pernas para deitar ouvidos ao novo disco.
Banda do José Gonzalez com novo lançamento na calha
· POR André Gomes · 19 Mai 2010 · 10:02 ·


Os Junip, a banda do José Gonzalez, vão editar futuramente um álbum de corpo inteiro pela City Slang mas antes estará online um EP para download gratuito. Este mesmo EP pode ser descarregado sem mais nem menos seguindo este link. Na Verão será possível ouvir os Junip em digressão pela Europa e pelos Estados Unidos. As influências da banda do senhor José Gonzalez vão desde os mui recomendáveis Neu! passando por Shuggie Otis e chegando até John Martyn. Mas os Junip dizem que fazem o seu próprio som. Experimente.
Chemical Brothers estreiam vídeo novo
· POR Rafael Santos · 11 Mai 2010 · 14:42 ·
Já que estamos numa de novidades, há outra que também não passa despercebida. Falamos, pois, do regresso aos álbuns da dupla Tom Rowlands e Ed Simons, os Chemical Brothers. Verdadeira fábrica de fazer hit singles, os britânicos editam no próximo dia 14 de Junho aquele que será o 6º álbum de originais. O novo disco chama-se Further e a primeira amostra já se encontra disponível. O tema, "orelhudo" quanto baste, chama-se "Swoon" e podemos ver e ouvi-lo, aqui e agora, neste vosso espaço muito querido.
(N.R. Fica desde já aviso que "just remember to fall in love" será a cantilena do dia que ficará, irritantemente, no vosso ouvido até se deitarem...)

Nova (e melhor!) vida para “Drunk Girls”
· POR Simão Martins · 11 Mai 2010 · 11:42 ·
Em vésperas de sair o novo longa-duração dos LCD Soundsystem, entretanto nomeado This Is Happening, a malta da DFA decidiu não ficar parada e os Holy Ghost, banda nova-iorquina abraçada pela editora, deram nova (e melhor!) vida a “Drunk Girls”, primeiro single retirado daquele que deverá ser – a julgar pelas palavras de James Murphy, líder do projecto – o último disco dos autores de faixas tão marcantes dos últimos anos como “Disco Infiltrator”, “Time To Get Away” ou “Tribulations” – não me peçam para acabar a lista. Feitas as contas, este é o remix de que os LCD Soundsystem precisavam, elevando “Drunk Girls” ao patamar em que se encontram as restantes malhas fantásticas que compõem This Is Happening.

O pré-Verão está salvo: a ZDB recebe Flower/Corsano Duo, Z'EV com Maranha, Ducktails, Tigrala e muito mais
· POR Nuno Catarino · 08 Mai 2010 · 13:45 ·
Z'EV

A Galeria ZDB volta a atacar e vocês ficam a saber tudo aqui em primeira mão. A agenda ZDB para os próximos tempos traz muitas novidades, muitas coisas boas entre estreias e regressos – e muitos concertos imperdíveis, claro. De matéria fresca há muito por onde escolher: High Places, Ducktails (viva a pop hipnagógica, no ciclo de cinema no terraço), No Age (rock que ainda não morreu) e os portugueses Tigrala (Norberto Lobo, Guilherme Canhão e Ian Carlo Mendonza vão editar disco via Mbari). Há ainda regressos muito aguardados – os adoravelmente deprimidos Bonnie “Prince” Billy e Castanets – e novidades absolutas, como o duo de Mick Flower com Chris Corsano (felizmente este já é cliente habitual da casa, até a Björk foi à Z para o ver), a estreia nacional do lendário Z'EV, que actua com David Maranha (na mesma noite que o duo Flower/Corsano), e os históricos Shellac - bastará dizer que são a banda rock favorita de Ken Vandermark. No domínio da improvisação os americanos Taylor Ho Bynum (corneta) e Harris Eisenstadt (bateria) juntam-se aos lusos Rodrigo Amado (saxofones) e Hernâni Faustino (contrabaixo) para criar jazz sem sebo – na mesma noite actua também Manuel Mota a solo. Note-se ainda o regresso de Andrea Parkins, que vai tocar em duo com Maile Colbert. Para que ninguém se perca, deixamos a papinha feita: aqui fica o roteiro do aquário da Rua da Barroca para os próximos dois meses.

Maio
14: Tigrala
20: High Places / Magina
22: Castanets / Tó Trips
24: Shellac / Mission of Burma
27: No Age / Thee Oh Sees


Junho
4: Taylor Ho Bynum, Rodrigo Amado, Hernâni Faustino & Harris Eisenstadt / Manuel Mota
5: Bonnie “Prince” Billy & The Cairo Gang (Sociedade de Geografia de Lisboa)
9: Ducktails
17: Andrea Parkins & Maile Colbert
24: Flower/Corsano Duo / Z'EV & David Maranha
Novo vídeo dos Mind da Gap para "Não Pára" (com Valete)
· POR André Gomes · 08 Mai 2010 · 00:52 ·
Os portuenses Mind da Gap, nome grande do hip-hop português, têm novo disco intitulado A Essência e agora um novo vídeo para o single "Não Pára", com Valete. O vídeo é realizado pelo nosso excelso colaborador André Tentugal e tem como pano de fundo a cidade do Porto. Tendo em conta as boas indicações deste "Não pára", é de esperar mais um belo disco do trio que assinou clássicos como Sem Cerimónias e A Verdade. O vídeo é este e ainda está quentinho e quase por estrear:

Regina Spektor no Cool Jazz Fest
· POR Miguel Arsénio · 07 Mai 2010 · 16:49 ·


Regina Spektor é o mais recente nome confirmado para o Cool Jazz Fest. A russa dos olhos bonitos (e não só) deve mostrar o que vale em termos de canções no Parque Palmela, de Cascais, no dia 1 de Julho. O pretexto para esta passagem é o mais recente Far, mas acreditamos que não faltarão também alguns momentos do sublime Soviet Kitsch, disco feito de narrativas excêntricas e pop ornamentada, que passou a ser um marco quase insuperável na discografia da própria. O festival, dividido entre vários palcos de Cascais e o Jardim do Cerco de Mafra, receberá também, e entre outros, os senhores Elvis Costello & The Sugarcanes, no Parque Marechal Carmona, de Cascais, a 28 de Julho, e Solomon Burke, com a participação especial de Joss Stone, no mesmo lugar, quando o calendário marcar 29 de Julho.
Sei Miguel mostra a nova "Casa Grande" na Noite dos Museus
· POR Nuno Catarino · 07 Mai 2010 · 12:33 ·
Integrado no âmbito da Noite dos Museus, que será celebrada no sábado dia 15 de Maio, Sei Miguel vai actuar com o seu grupo no Museu do Chiado. Para esta actuação o trompetista e compositor, que acaba de lançar o aplaudido disco Esfíngico - Suite for a Jazz Combo (edição Clean Feed), estará acompanhado pelos músicos do seu eixo habitual - Fala Mariam no trombone e César Burago na percussão - mas não só. Este concerto conta ainda com a participação do guitarrista Pedro Gomes (CAVEIRA, Manta Rota, Braço, ZDB, Filho Único, etc.) que nos últimos tempos tem desenvolvido uma intensa colaboração com Sei. Neste concerto Sei Miguel apresentará uma segunda fase do seu programa de trabalhos "The Jewel System", denominada "Casa Grande". Em jeito de aperitivo, aqui fica um vídeo de Miguel e companhia (só falta Gomes), gravado ao vivo na Festa do Jazz do São Luiz de 2007.

Cock’n Roll, documentário sobre a história do rock barcelense estreia dia 22 de Maio na Biblioteca Municipal
· POR André Gomes · 07 Mai 2010 · 11:50 ·
Cock’n Roll é descrito como "um olhar profundo sobre o movimento rock da cidade do Galo” e tem estreia marcada para o dia 22 de Maio na Biblitoeca Municipal. O documentário foi produzido e realizado por Alexandra Martins e Inês Faria, alunas do 12.º E do curso de Línguas e Humanidades da Escola Secundária de Barcelos, no âmbito da disciplina de Área de Projecto.

A apresentação pública será acompanhada por concertos de bandas barcelenses. Os espectáculos começarão à tarde com os Glockenwise às 16h, e Azia, às 17h. Às 21h subirão ao palco os Aspen, concerto após o qual será projectado o documentário. O evento terminará com a actuação dos La La La Ressonance.

Fomos falar com uma das responsáveis do documentário, Inês Faria, que nos disse o seguinte: "o Cock and Roll surgiu de um brainstorming para um projecto escolar. Sem as mínimas noções de jornalismo, cinema, edição ou produção, aventurámo-nos numa experiência alienada e irracional, tendo tido a oportunidade de conhecer e conversar com um rol de músicos barcelenses, desde os da "velha-guarda" até aos da geração explosiva, resultando num "quase-documentário" marcadamente primitivo e amador. Numa viagem no tempo, conduzida por Manuel Melo (Sinfonias d'Aço), tentámos condensar a cena do rock barcelense em pouco mais de uma hora, a fim de recordarmos bandas como The Astonishing Urbana Fall, Kafka, Ribanceira, Green Machine ou Black Bombaim".

Cock and Roll
Cluster, Moderat e Chrome Hoof no Optimus Clubbing de Junho
· POR André Gomes · 05 Mai 2010 · 14:21 ·
Já sabemos com que linhas se vai coser o Optimus Clubbing de Junho na Casa da Música e achamos que iriam gostar de saber em primeira mão ou quase. Sabemos que os Cluster, sim eles, a lenda, têm data marcada para o dia 5 de Junho na Casa da Música e que devem espalhar aí conhecimentos superiores na arte do krautrock e da música electrónica. Apesar das idades, promete e muito. Também no mesmo dia 5 de Junho, os Chrome Hoof e Moderat prometem completar a noite (dependendo do ponto de vista) com muita electrónica à mistura, e com um aparato incrível no caso dos primeiros. Promete, promete.

Aqui estão os Cluster a mostrar como se faz em 2009:

Os Mutantes regressam a Portugal
· POR André Gomes · 05 Mai 2010 · 11:00 ·
Excelentes notícias para quem vê n'Os Mutantes uma das melhores bandas brasileiras de sempre - ou quem sabe a melhor. A organização do festival Delta Tejo anuncia hoje a banda como uma surpresa de última hora para o cartaz do Palco Jogos Santa Casa, no dia 2 de Julho, juntando-se aos já anunciados Roda de Choro e Nação Zumbi. Assim sendo, a banda brasileira que se reuniu em 2006, após um longo hiato de 28 anos, regressa a Portugal para um concerto que promete muito. Os Mutantes vêm ao Alto da Ajuda apresentar Haih or Amortecedor, o mais recente álbum de estúdio que lhes conhecemos.

Fiquem com a maravilhosa "Panis Et Circenses" a preto e branco:


Mini-report: Festa da Ínclita Geração do Jazz Português
· POR Nuno Catarino · 05 Mai 2010 · 01:14 ·
Festa da Ínclita Geração do Jazz Português

O dia: 1 de Maio, Dia do Trabalhador. O local: Trem Azul, no Cais do Sodré. O motivo: festejar o lançamento de quatro discos de grupos que marcam a maturidade do jazz português. Nessa noite de sábado a loja de jazz prometia uma sequência de mini-concertos, em jeito de apresentação para os discos Motion do Bernardo Sassetti Trio, Matéria Prima de Carlos Bica, Labirintos de Carlos Barretto e Evil Things dos TGB. O veterano Barretto contou com o apoio de Mário Delgado (guitarra diabólica) e José Salgueiro (bateria com groove) para mostrar as suas músicas novas, marcadas por uma constante energia rock. Delgado esteve depois com Bica e João Paulo, uma versão “redux” do grupo Matéria Prima, para interpretar coisas irresistíveis como a original “D.C.” (dedicada aos Dead Combo) ou a proto-kitsch “For Malena” de Marc Ribot. Antes, os TGB - Sérgio Carolino, Alexandre Frazão e Delgado, outra vez - já tinham mostrado as suas novidades num curto showcase (a este não chegámos a tempo). E atenção que o novo disco do trio tem versões de Black Sabbath e Deep Purple. Faltou apenas Sassetti, retido num outro compromisso, mas a festa só acabou depois de uma “jam session” que juntou em palco todos os músicos - magnífica a interacção entre os contrabaixistas Bica e Barretto. A “ínclita geração” está bem viva e recomenda-se.
E que tal El Guincho no sábado também no Porto?
· POR André Gomes · 04 Mai 2010 · 20:50 ·
Já sabíamos que o catalão El Guincho tinha data marcada para a Queima das Fitas de Coimbra (andamos todos tão indies em 2009). O que não sabíamos, embora alguns desconfiassem, é que, e isto é em primeira-mão, o senhor viesse também ao porto no próximo sábado, dia 8 de Maio, para um concerto no Plano B, para espantar males e espalhar a boa da alegria. E com banda e tudo. A hora? 23:30. O preço dos bilhetes é de 10 euros e as reservas podem ser efectuadas para o e-mail da Lovers & Lollypops: loverslollypops@gmail.com.

Deixamos aqui "Palmitos Park" como hipótese de degustação para quem ainda não conhece El Guincho:

Terrorismo bebop no Jazz ao Centro 2010
· POR Nuno Catarino · 03 Mai 2010 · 10:39 ·
Já foi anunciado o programa do festival Jazz ao Centro 2010 - Encontros Internacionais de Jazz de Coimbra, festival que irá decorrer no fim-de-semana de 27, 28 e 29 de Maio e no fim-de-semana de 3, 4 e 5 de Junho. Nesta edição 2010 os concertos vão passar por diversos espaços - aos habituais Salão Brazil e TAGV junta-se ainda o Mosteiro de Santa Clara-a-Velha. Entre os destaques da programação destaca-se o quarteto Mostly Other People Do the Killing, que foi classificado de "terrorismo bebop", bem como a actuação a solo do trompetista Peter Evans (a grande estrela do Jazz em Agosto 2009). Aqui fica o programa de festas completo e uma amostra da energia dos MOPDtK.

Jazz ao Centro 2010
27 de Maio: Mostly Other People Do the Killing (Salão Brazil)
28 de Maio: Peter Evans (Mosteiro de Sta. Clara-a-Velha) + Mostly Other People Do the Killing (Salão Brazil)
29 de Maio: Digital Primitives (Teatro Académico Gil Vicente) + Mostly Other People Do the Killing (Salão Brazil)
3 de Junho: European Movement Jazz Orchestra (Salão Brazil)
4 de Junho: Jean-Luc Guionnet / Seijiro Murayama (Mosteiro de Sta. Clara-a-Velha) + European Movement Jazz Orchestra (Salão Brazil)
5 de Junho: Tim Berne / Bruno Chevillon (Teatro Académico Gil Vicente) + Convergence Quartet (Salão Brazil)

Parceiros